Gostei muito de Stranger Things

Na verdade a primeira temporada eu adorei. Da segunda eu só “gostei” por isso o “gostei muito” é uma média. :lol:

Os atores que interpretam as crianças são incríveis. Li em algum lugar (não consegui encontrar de novo) que as audições incluíram 600 crianças para preencher os quatro papéis masculinos e 300 para o papel de Eleven.  E que Millie Bobby Brown só pegou o papel porque não passou no teste para X-23 (eu bem que achei enquanto assistia que ela teria servido para esse papel também), perdendo para a incrível Dafne Keen.

Mas também gostei dos atores adultos. Winona Ryder estava extremamente convincente na primeira temporada e David Harbour (que eu não conhecia) como  o xerife não ficou muito atrás. Gostei também da direção e da música.

Do que não gostei

  • A interação entre Will no universo sombrio e as luzes de sua casa no nosso universo não foi adequadamente explicada;
  • Na primeira temporada o que mais me incomodou foi como o xerife decidiu bancar o exército de um homem só e se safou. E ficou ainda pior na segunda onde ele se meteu voluntariamente numa roubada onde inicialmente eu achei que ele era muito corajoso mas depois concluí que era muito estúpido;
  • A representação do universo paralelo não me convence. Seria melhor se pelo menos excluíssem todos os veículos ou se estes aparecessem se movendo também, com ocupantes em tudo;
  • No episódio onde Eleven encontra Eight eu não consegui gostar de praticamente nenhum dos personagens.
  • Os roteiristas incluírem aquele papo sobre BASIC e um “hack” patético (S02E08) em uma série cheia de cultura nerd foi de ranger os dentes;
  • Eu gostei muito de Dustin na primeira temporada por isso ver ele se comportar duas vezes como uma criança estúpida na segunda foi muito incômodo.

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Be Sociable, Share!
10 comentários
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    Um opinião impopular: Eu não achei o pai de Billy “abusivo” que é como ele é descrito em toda parte. Talvez ele seja mas na única cena em que ele aparece eu vejo apenas um pai muito severo (talvez ex militar), na década de 80, repreendendo severamente (S02E08) seu filho de 17 anos (meu palpite) que evidentemente precisa mesmo que alguém o coloque na linha, por ter sido incumbido de cuidar de sua meia-irmã mais nova e ter falhado miseravelmente nisso.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    Outro problema com a segunda temporada. Em um momento as crianças descobrem que não existe apenas um mas uma meia dúzia de demodogs e fica evidente que eles não podem lidar com os monstros (S02E06). Quando os monstros vão embora por motivo desconhecido eles aparecem no momento seguinte andando tranqüilamente, ainda à noite (S02E07), pela linha férrea, como se eles tivessem a certeza de que os monstros estavam mortos ou se eles tivessem sido atacados apenas por algumas galinhas raivosas.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    Problema na primeira temporada: Nanci deveria ter recuado ao entrar no buraco daquela arvore (S01E05) e ter saído em um lugar completamente diferente. Ela achou que estava no País das Maravilhas?

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    Em S01E06, quando Mike se coloca à beira do precipício, a câmera mostra claramente que o que existe diretamente abaixo dele não é água. Ele pode ou não saber que uma queda daquela altura na água é fatal mas certamente sabe que nas pedras é, mas em vez de pegar impulso e se jogar ele dá apenas um passo no vazio. E eu também não gostei da forma como o salvamento ocorreu.

    Para mim a cena teria sido melhor se ou a câmera não tivesse mostrado as pedras ou ele tivesse se jogado e Elevem tivesse feito ele voltar como se estivesse preso por um elástico.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    aaahh… Eleven sem cabelo passava muito mais emoção para o personagem. Ela ficou “bonitinha” demais na segunda temporada.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    Como é que a mãe de Will não percebeu (S01E01) que estava faltando a arma no barracão e/ou que esta havia sido retirada e carregada? E por falar nisso, deve ser muito bom morar em uma cidade onde você pode deixar sua arma e as balas expostos num barracão destrancado do lado de fora de sua casa que não tem muros.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    O retorno de Will à vida foi muito sem graça. Eu gostaria de ter visto uma cena como a do final de Flightplan.

    E não ficou esclarecido (sequer tentaram) por que Will não foi devorado quando foi finalmente apanhado na dimensão paralela.

    E por falar em devorado, por que Bob foi devorado por quatro demodogs? Não é que faltasse comida no laboratório àquela altura.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 5.165 Comentários

    Em S01E07 não ficou claro como Lucas conseguiu usar o Walkie Talkie enquanto as duas mãos estavam na bicicleta. Estava convincente até ele responder a Mike.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Luciano - 342 Comentários

      Essa eu posso meio que chutar, embora não assisti, mas walkie talkie pode ter um recurso chamado de VOX, que aciona a transmissão apenas quando você fala. Tá… pro publico leigo é WTF, mas… não é tããão estranho assim pra quem é radioamador. :)

      VA:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
      • Jefferson - 5.165 Comentários

        Eu não sou radioamador mas não sou tão leigo assim. Eu sei o que é VOX e por isso eu não falei nada sobre outro garoto, o Dustin, que é o único a conversar no rádio com um headset, sem usar as mãos. Todos os outros sempre usam (ou parecem usar) o PTT para falar, incluindo o Lucas (exceto nessa cena).

        O diretor poderia argumentar que o rádio de Lucas também tem VOX e que este funciona muito bem sem headset, mas isso não explica por que o VOX de um aparelho da década de 80, do tamanho de um sapato, funciona tão bem com o garoto na rua, pedalando freneticamente e berrando para o rádio amarrado no guidão (custa-me crer que um aparelho tão velho tenha a tecnologia para ignorar o som do próprio alto-falante) mas nunca é usado quando ele está sozinho em casa num ambiente silencioso.

        VN:R_U [1.9.13_1145]
        Rating: 0.0/5 (0 votes cast)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »