Testando o plugin Demon Image Annotation para WordPress

Este post possui recursos que pode ser complicado ou impossível acessar na versão mobile do blog e/ou com uma touchscreen. Versão desktop e mouse recomendados.

Como uma imagem vale por mil palavras, melhor começar passando o mouse sobre a imagem abaixo:

switch_hdmi_td-link_pcb_topo_DSC01564_640_ryan.com.br

Se nada aconteceu, me avise nos comentários dizendo que browser e versão você está usando.

Essa minha necessidade não é nova. Quem me acompanha desde o review do DVP642 sabe que eu tinha o hábito de comentar as fotos que publicava. Na época eu só precisava adicionar a biblioteca javascript overlib e, a parte mais chata do processo, criar um image map de cada imagem com os comentários. Esse processo era apenas parcialmente visual e um tédio por isso eu não lamentei muito quando minha mudança para o WordPress  me impediu de continuar usando-o.

O processo com overlib além de ser um tédio tinha o inconveniente de que você tinha que passar com o mouse sobre cada ponto da imagem à procura de comentários. Como se pode ver esse problema não existe com o plugin Demon Image Annotation (DIA), que mostra imediatamente todos os pontos comentados. E mais: eu posso demarcar e adicionar notas de forma totalmente visual. Ao contrário da overlib, que eu usava quase a contragosto, está sendo um prazer usar DIA.

Mas eu só posso dizer isso agora que DIA está funcionando. Eu venho há semanas (esporadicamente, é claro) apanhando para fazer o plugin funcionar neste blog. Ele funcionou imediatamente em outros de meus blogs onde instalei só para tirar a dúvida mas aqui sequer ele parecia instalado. Agora parece estar OK mas não estou certo do que fiz para resolver o problema. Quando eu testei da última vez há umas duas semanas não funcionava e quando testei ontem estava funcionando. Cache do wordpress? Erro meu? Não sei.

Notas para leitores:

  • Ao passar o mouse sobre a imagem ela é imediatamente alinhada à esquerda e não volta mais para o alinhamento central. Isso é coisa do plugin e não sei resolver;
  • O plugin permite que até vocês leitores façam comentários sobre as imagens. Mas como eu não consegui ver a utilidade disso para o tipo de imagem que publico, achei melhor desabilitar o recurso. Se eu estivesse fotografando paisagens ou “arte” eu acharia mais útil. Porém se conseguirem me apontar a utilidade eu poderei rever isso. No site do desenvolvedor existe um live demo mostrando como isso funciona;
  • O meu nome aparece em cada um dos comentários devido a essa característica “colaborativa” do plugin. Não há opção para desativar essa exibição, mesmo com apenas uma única pessoa comentando.

Notas para interessados em usar o plugin no próprio blog:

  • Infelizmente o autor não atualiza nem o próprio site há três anos e não responde na página de suporte do plugin há um ano. Os problemas encontrados no plugin vão precisar ser resolvidos pelo próprio usuário;
  • Se você copiar a imagem entre posts mantendo o “ID”, todos os comentários acompanham, como acontece na imagem acima. Se eu editar aqui, automaticamente a imagem no post original é editada também.
  • Mesmo você sendo o Admin os comentários adicionados por você caem na fila de moderação do plugin. Eles ficam visíveis somente até você atualizar a página e somem. Isso me deixou confuso por vários minutos porque mesmo depois de achar os comentários na fila de aprovação eu não entendi o linguajar do plugin. O que eu achei que estava aprovado na verdade estava “desaprovado”. Aliás parece que quem escreveu os textos no plugin não domina a língua inglesa, conforme nota a seguir;
  • O plugin fica exibindo em todo lugar no dashboard do wordpress o texto “Important: Please update the new version of settings and usage” que dá a entender que você precisa fazer alguma atualização nas configurações. Depois de muito tempo tentando encontrar essa atualização eu estou convencido de que o plugin quer dizer que você deve se “atualizar a respeito” ou “familiarizar” com a nova versão das configurações. Eu escreveria “be aware of” ou “take a minute to review” no lugar de “update”;
  • Se habilitar DIA com ID automático não fizer absolutamente nenhuma diferença visual nas suas imagens, pode estar havendo um conflito com outro de seus plugins;
  • Por default o plugin habilita comentários em todas as imagens. Como isso não é um fotolog e cada imagem com comentários habilitados cria um pequeno problema visual no fluxo do blog eu decidi definir manualmente cada imagem onde os comentários vão aparecer. Para isso é necessário acrescentar manualmente uma atributo à tag da referida imagem. Infelizmente isso pode ser um aborrecimento quando você tem muitas imagens em um texto longo. Como o WP não tem recurso na UI para acrescentar um atributo visualmente, você tem que reverter para o HTML, achar a referência à imagem na munheca e acrescentar o atributo à tag;

 

Eu estou aberto a sugestões de alternativas de anotação de imagens.

22 comentários
  • claudio

    Funcionou aqui (Chrome 52.0.2743.116 no Win8.1)

    Mas, eu só percebi isso porque você avisou. Explico: eu leio o blog normalmente no feedly, e só raramente navego para a página. Na visualização do feedly, mesmo aberta, a imagem não tinha anotação nenhuma.

    Nessa caso, sugiro mencionar na legenda quando usares anotações e elas forem importantes para o entendimento do texto :)

    abraços,
    Claudio

    • Obrigado pelo aviso. As legendas sempre serão importantes por isso eu sempre vou precisar avisar. O plugin avisa mas acredito que até isso deixa de aparecer no leitor de feeds.

    • Saulo Benigno

      É, eu também leio pelo Feedly. Só chego aqui para comentar.

      Só vi o efeito do plugin vindo aqui. Gostei bastante mesmo.

      Mas, alguns problemas que pude imaginar. Como é o funcionamento mobile do plugin?
      E é preciso o leitor sempre clicar na imagem e ficar passando o mouse? Não seria mais interessante na imagem colocar os números de uma cor diferente (tipo amarelo)? Tipo 1 , 2 , 3 em cada lugar e lá embaixo colocar uma lista do que é o que?

      1. barra
      2. corredor
      3. porta

      Complicado… bem, boa a ideia, vai ajudar bastante com certeza os leitores :)

      • Mas, alguns problemas que pude imaginar. Como é o funcionamento mobile do plugin?

        Xiii… não pensei em uso com touchscreen.

        Não seria mais interessante na imagem colocar os números de uma cor diferente (tipo amarelo)? Tipo 1 , 2 , 3 em cada lugar e lá embaixo colocar uma lista do que é o que?

        Isso cria três problemas que sempre quis evitar, por isso raramente usei:

        1)Poluição visual, com obstrução da imagem;
        2)Eu vou precisar fazer mais um passo específico na edição da imagem;
        3)Para adicionar itens eu vou ter que editar a imagem de novo. Isso vai me desestimular a publicar as anotações antes de eu ter concluído. Com o DIA, passeando pelo blog eu estou a um clique de editar/adicionar notas e sem nem mesmo precisar abrir o post para edição.

        Eu vou ter que tomar uma decisão sobre o uso com touchscreen. Mas minha opinião geral a respeito disso é contrária a engessar o sistema para atender uma parcela dos casos então a princípio minha opinião é que se você quiser ter acesso à “riqueza” do post, vai precisar usar uma interface “rica”.

        • Tentar usar o recurso na versão mobile do blog cria uma bagunça visual, mas eu suponho que isso seja culpa do plugin WPTouch. A versão desktop no celular mesmo com uma touchscreen é “usável”.

  • Claudio

    Teste, podes deletar …

    o comentario anterior falhou com o erro abaixo:

    noted on #img-4481-d9184673e6

    Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/comment.php on line 517

    Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/comment.php on line 518

    Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/comment.php on line 519

    Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/pluggable.php on line 1167

    • Obrigado mais uma vez pelo aviso. O problema só ocorre com quem não é admin (ou seja: todo mundo menos eu) por isso eu ia demorar a notar. E como fica claro nas mensagens, é provocado pelo DIA, que não deveria estar interferindo com comentários, principalmente de não-admins, já que eu (supostamente) desabilitei a possibilidade de não-admins adicionar notas com o DIA.

      Ainda bem que o comentário não é perdido, como você percebeu. Outra hora eu vejo se dá para consertar isso ou se vou ter que abandonar o plugin.

      • O problema aparentemente foi resolvido. Eu esperava ter que analisar arquivos PHP e editar plugins na munheca, por isso esperei até a noite para analisar o problema, mas foi incrivelmente fácil resolver. Eu havia esquecido habilitada a opção “Comments Thumbnail”. Bastou desabilitar para o problema sumir. Eu testei como leitor anônimo.

  • eu gostaria que seu blog tivesse como apertar um botão curtir* para cada postagem, :D

    *é sério.

    abraços

    • Até o mês passado, tinha. Eu desliguei vários plugins justamente tentando fazer este funcionar. E praticamente ninguém usava além de mim.

      • incrível, lhe acompanho a muitos anos e nunca havia notado a função disponível.

        talvez ela fosse bloqueada pelo ublock-origin (adblock).

        de todo modo, muito obrigado pelo blog, fico feliz que você tem sido mais presente e mais produtivo no blog neste últimos tempos.

        abraços

        • Existiam três plug-ins:

          Um para dar um “+” No Google Plus. Aparecia na forma de um ícone flutuante do G+ à direita.

          Um para publicar em diversas redes sociais, incluindo o Facebook. Aparecia na forma de uma lista de ícones de redes sociais;

          Um para dar uma nota para a postagem e para comentários. Aparecia na forma de estrelas vazias.

        • Eu reativei o plugin “Sociable”, que permite compartilhar em várias redes sociais. Mas tive que deixar desligado o “GD Star Rating” que permitia dar uma “nota” de 1 a 5 estrelas a cada post e comentário, pois este impede o DIA de funcionar. Como ninguém usava o GD Star Rating mesmo, eu não me sinto estimulado a consertar isso.

          • hahaha, saquei. eu não uso nenhuma rede social mesmo, mas marquei no g+ em agradecimento.

            o ublock-origin estava de fato ocultando a barra aqui, tive que desabilitá-lo para seu blog.

            possivelmente o que mais se assemelharia ao que me referi mais cedo fosse o GD Start Rating, xD imaginei algo simples como curtir/não curtir do youtube, talvez exigiria cadastro do usuário no seu site e coisas do tipo. de qualquer forma, muitíssimo obrigado pela atenção e pela intenção de satisfazer seus leitores.

            um forte abraço!

            • Eu não espero realmente que meus leitores sejam adeptos de redes sociais, mas uso o Sociable porque “não custa nada”. Infelizmente eu não tenho qualquer feedback da sua utilização então mesmo que fosse massivamente usado por meus leitores eu ainda acharia que ninguém está usando.

              Já a utilização do GD Star Rating eu podia acompanhar.

  • off: ao enviar a msg anterior, obtive uma msg me avisando que já havia enviado a msg.

    • Snow_man

      também apareceu erro ao postar comentário; voltei para a página anterior e o comentário estava postado.

      • Snow_man

        noted on #img-4481-d9184673e6

        Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/comment.php on line 517

        Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/comment.php on line 518

        Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/comment.php on line 519

        Warning: Cannot modify header information – headers already sent by (output started at /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/demon-image-annotation/imageannotation.php:106) in /home2/jeffryan/public_html/blogs/quicktalk/wp-includes/pluggable.php on line 1167

        • exato, aparece direto um erro ou outro ao postar, mesmo agora que desativei o ublock-origin para o blog, mas apesar dos erros todas as minhas mensagens foram publicas sem exceção.

          abraços

  • Snow_man

    Ok aqui no Chrome Versão 52.0.2743.116 m em um windows 7.
    Gostei da inovação.
    Muito útil para posts como do Home Theater Samsung.

  • Aqui funcionou, inclusive com o bug do alinhaento… Firefox ESR 38.5.1 no Windows XP.

  • Alisson Teles Cavalcanti

    Safari 9.1.1 (10601.6.17) @ Hackingtosh OSX Yosemite. Tudo funcionando, sem problemas. Mas no app do Feedly, mesmo sintoma apontado por outras pessoas (não funciona, nem retorna erro ou aviso).


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Blog atualizado para WordPress 4.3.1

Eu ainda estava usando a versão 3.1. Espero que não quebre nada, mas o carregamento da página inicial está estranhamente lento aqui.

6 comentários
  • VR5

    Aqui foi normal…

    • Aqui voltou ao normal. É possível que tenha sido o cache do WordPress.

      • Sim, o cache dá umas enroscadinhas quando atualiza. Eu atualizei (backup feito antes eheh) o meu parao 4.3.1 a uns dias e não deu nenhuma quebra.

        • Eu ia comentar que você provavelmente não deu um salto tão grande quanto o meu, de 3.1 para 4.3.1. Mas fui fazer uma checagem e descobri que minha ultima atualização foi para a versão 3.6, em outubro de 2013. Eu ainda estou tentando entender como eu podia estar ainda com a versão 3.1. Eu sou meio distraído para certas coisas, mas o Media Manager do QuickTalk certamente não era o da versão 3.1. Essa versão nem suportava drag and drop de imagens ainda.

          • Bom… o meu salto foi da 4.2.5 para 4.3.1

            Realmente da 3.6 pra 4.3.1 teve muitas atualizações ehehe.

            Eu não atualizo religiosamente a cada nova versão, eu dou uma lidinha no pontos das atualizações, se for coisa que eu vejo que não me afeta diretamente ou não é bug escandaloso, eu deixo pra lá espero a próxima.

            Como eu já te disse no outro post, eu tenho todas as atualizações salvas em backup que fiz, desde a 2.9.2 que foi quando eu migrei do bloger.com.br para o WordPress. E nisso já se vão 15 atualizações feitas. :)

  • Mais mudanças:

    Atualizei WP-DBManager Versão 2.63 para 2.78
    Deletei Watermark RELOADED e Watermark My Image, que nunca funcionaram mesmo.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Quick Talk agora tem uma versão mobile. Testando o plugin WPtouch.

Tomei essa decisão por livre e espontânea pressão da Google. Mas eu deveria ter feito isso há muito mais tempo.

A pressão veio de uma decisão da Google que foi apelidada de Mobilegeddon (Armageddon Móvel). Desde ontem a Google passou a levar em conta se um site é “amigável para dispositivos móveis” ao atribuir o ranking das suas buscas. Eles até oferecem um teste para avaliar se o site é compatível.

Eu achei que o WordPress já fizesse isso automaticamente, mas tive uma dupla surpresa ao testar isso hoje, usando o meu celular via 3G. Além de não ter uma versão móvel, e justamente por isso, abrir a primeira pagina deste blog consumiu em poucos segundos cerca de 5MB. Metade da minha franquia diária. E ainda assim nada se aproveitava porque eram muitas imagens parcialmente carregadas. Se eu tivesse deixado continuar possivelmente teria consumido toda a minha franquia. Raios… o WordPress não gera uma versão mobile nativamente…

E olha que eu uso o telefone celular para navegar na web até em casa. Eu só não visito os meus próprios sites com ele…

Em alguns segundos de pesquisa já tinha uma possível solução: o plugin WPtouch. Agora quem visitar este blog em um dispositivo móvel verá algo completamente diferente. E passa no teste da Google.

quicktalk_mobile_wptouch

Esse é o tema gratuito do WPtouch. Não é nenhuma belezura, mas também não é feio. E pelo menos no Chrome para Android você sempre pode requisitar a versão Desktop da página, se não gostar da versão móvel.

4 comentários

Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Testando o plugin Stop Spammer Registrations

Apesar do nome, esse plugin também atua sobre comentários e tem um modo de operação bem amplo e radical. Se você, leitor, não estiver conseguindo mais postar comentários, por favor me avise com um comentário no Geringonças e Gambiarras dizendo qual browser, nome de usuário e email que você está usando. O plugin bloqueia também por IP, o que pode ser um problema, já que a maioria usa IP não-fixo para navegar na internet e pode pegar um IP que tenha sido usado anteriormente por um spammer e esteja em uma blacklist. Como sobrou muito pouco spam depois  que implementei o script de palavras proibidas, eu desliguei a opção de checar o IP.

O plugin também tem a opção de bloquear pela ausência do campo HTTP REFERER, o que supostamente indicaria que o spammer não está submetendo o form de comentários através do meu site. Porém dando uma olhada na lista de comentários eu constatei que um monte de comentários legítimos, de Luciano, Walter, Marcel, etc., estão vindo também com o REFERER em branco, por isso eu desliguei essa opção também.

Esse plugin bloqueia o spammer de forma que o comentário ou registro sequer seja feito. Nada de colocar na caixa de spam para eu ter que perder meu tempo analisando depois.

Eu achei esse plugin especialmente interesante por causa dessas características:

  • Bloqueia também registros falsos. Coisa que o Akismet não faz;
  • Coloca um falso formulário inteiro de comentário em cada página. Esse formulário só pode ser visto pelos bots. Se um formulário desses for submetido, o IP é imediatamente considerado hostil e bloqueado (isso independe do bloqueio por IP que eu desliguei, que é baseado em blacklists);
  • Oferece uma blacklist de palavras que se usadas no nome ou email provocam o bloqueio imediato. Eu não creio que um leitor vá usar as palavras “viagra”, “captcha” e “penis” nesses campos, mas spammers usam. O Akismet detecta isso mas joga na caixa de spam e não vejo sentido em armazenar isso se é claramente hostil;

Está em teste. Será desligado se criar problemas para os meus leitores.

11 comentários
  • Walter R. Gomes

    Só pra testar, então.

  • Testando também, pra ver se passa sem falso positivo.

  • Apesar de estar com os bloqueios por IP e REFERER desligados, o plugin reporta ter bloqueado 183 spammers em menos de 24h. Passaram UM spam (apanhdo pelo Akismet) e UM registro falso.

    Segundo os logs, quase todos caíram por preencherem o falso formulário. E a maioria do hits foi do spammer brasileiro que eu já tinha bloqueado usando o script de palavras banidas.

     

  • Aqui a situação esta assim usando o AVH First Defense Against Span (doravante o chamarei de AVH):

    272 Spam stopped in 2012 – dezembro
    Checking with Stop Forum Spam and Spamhaus
    IP Cache Statistics
    314 Total of IP’s in the cache
    299 Total of IP’s classified as ham
    15 Total of IP’s classified as spam

    Ele + Akismet + Script melhorado (vou postar depois) = Spam na fila de moderação: Zero!

    Vou deixar mais um pouco pra ver se zerou mesmo, e ai se sim, vou desligar o reCaptcha e ver como se comporta.

  • VR5

    Jefferson & demais colegas: mesmo sendo um off-topic, desejo a todos sinceros votos de Feliz Natal e um Próspero 2013!!! :)

  • Jefferson, só pra constar, depois de ter instalado o AVH aqui + o script melhorado (vigando os outros campos) o SPAM ZEROU! Já tem mais de 3 semanas que não cai mais nenhum na lista de moderação.

    O log do AVH esta assim:

    995 Spam stopped in 2013 – janeiro
    5711 Spam stopped in 2012 – dezembro

    Checking with Stop Forum Spam and Spamhaus

    IP Cache Statistics

    IP caching is enabled
    1374 Total of IP’s in the cache
    1311 Total of IP’s classified as ham
    63 Total of IP’s classified as spam

    Só posso pular de algria! (obs, a inserção de smile não tá funcionando, não sei se é bug aqui ou no blog, verifique, por favor)

  • (obs, a inserção de smile não tá funcionando, não sei se é bug aqui ou no blog, verifique, por favor)

     

    Caramba, Luciano, desculpe a demora para responder. O_o

    Mas aparentemente está funcionando :)

  • Jefferson, requentando o tópico. Só pra informar.

    No mês de Março, com o meu trio “cata spammer pelos fundilhos e mete o pé na bunda” eu consegui finalmente ZERAR o spam!

    Digo isso pelo seguinte, verificando o gráfico do akismet, temos o seguinte:

    Janeiro: 35
    Fevereiro: 13
    Março: 0
    Abril: 0 (por enquanto)

    Ah… você disse que teve probelmas pra comentar no meu blog, verifiquei e realmente esta com pau. O problema era que o script que esta cuidando do spam, não aceitava deixar campos em branco quando em busca parcial por conteudo proibido. Mas resolvi, coloquei uma checagem pra ver se o campo quando em checagem parcial esta em branco, se sim, pula a verificação com strstr que não pode usar valor vazio.

  • Depois de um ano e meio ainda estou satisfeito com o funcionamento do plugin. Eu praticamente não tenho mais problemas com SPAM. Somente fui olhar agora porque uma onda de SPAM atingiu todos os meus blogs e passou tanto pelo plugin quanto pelo akismet e ficou preso na última linha de defesa: a fila de moderação. Fui checar o funcionamento e em uma das instalações apenas 20 SPAMs estavam na caixa do Akismet e o plugin reporta ter bloqueado 16828 tentativas desde a instalação.

    O SPAM que está passando está usando uma técnica nova, que torna o texto aleatório através da corrupção das palavras.

  • O plugin agora se chama “Stop Spammers Spam Prevention” e está bem mais complexo. Houve pelo menos uma adição importante desde a última vez que olhei: o plugin agora pode mandar um email para você sempre que alguém for barrado e pedir para entrar na whitelist. Antes era preciso ficar consultando o log do plugin para ver isso.

    • Existe uma adição ainda mais importante: o plugin agora procura por exploits comuns no texto do comentário e os veta.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Como vetar / deletar automaticamente spam no wordpress

Não, eu não estou falando de mandar para a caixa de spam. Isso o Akismet já faz muito bem. O que eu vou explicar aqui bloqueia o comentário no momento em que está sendo postado, antes mesmo de passar pelo Akismet.

Nos últimos meses tenho sido bombardeado por milhares de comentários de spam mensais que provavelmente vem do mesmo spammer, divulgando uma dúzia de sites de mala direta (que hoje é sinônimo de spam). Vejam neste blog um exemplo de como esse spammer se comporta. A página recebeu 65 comentários e todos seguem o mesmo padrão.

A predominância desse spammer é tão grande que eu acabo de apagar cerca de 1600 spams, filtrando pelos nomes desses sites, e só restaram uns dez que nada tinham a ver com eles. Ou seja: se eu conseguisse barrar a postagem da propaganda dessa dúzia de sites, minha caixa de spam estaria sempre razoavelmente limpa.

Eu fiz uma pesquisa semanas atrás e não consegui achar nenhum plugin que fizesse isso. Todos os plugins que encontrei limitam-se a jogar mensagens para a caixa de spam. E isso o akismet já faz. Mas com milhares de mensagens que são indubitavelmente spam na caixa, você fica praticamente impossibilitado de detectar as mensagens que cairam lá acidentalmente.

Hoje, depois de ficar de saco cheio por ter que filtrar e apagar essas mensagens de novo, quando “não custaria nada” ao wordpress checar uma lista de doze palavras, fiz uma nova busca e encontrei a solução.

Não é tão simples quanto instalar um plugin, mas também não é nada difícil. Aqui está o código adaptado para as minhas necessidades:

[code language=”php”]

//Acrescente isso no final de functions.php (é um arquivo do tema, não do wordpress)
//pode ser imediatamente antes da linha final com um "?>".
function in_comment_post_like($string, $array) {
foreach($array as $ref) { if(strstr($string, $ref)) { return true; } }
return false;
}
function drop_bad_comments() {
if (!empty($_POST[‘comment’])) {
$post_comment_content = $_POST[‘comment’];
$lower_case_comment = strtolower($_POST[‘comment’]);

// Lista de palavras banidas.
// Comentários com essas palavras serão automaticamente deletados
// e quem postou, se não for um bot, verá um alerta.
$bad_comment_content = array(
‘viagra’,
‘hydrocodone’,
‘xanax’,
‘tramadol’,
‘lorazepam’,
‘adderall’,
‘dexadrine’,
‘no prescription’,
‘oxycontin’,
‘without a prescription’,
‘sex pics’,
‘family incest’,
‘online casinos’,
‘online dating’,
‘cialis’,
‘ecadastro.com.br’,
‘seomaster.com’,
‘divulgaemail.com’,
‘listadeemails.com’,
‘casaemail.com.br’,
‘acertemail.com’,
‘maladiretasegmentada.com.br’,
‘busquemail.com.br’,
‘boliche.com.br’,
‘kitsucesso.com’,
‘emailsvip.com.br’,
‘kitdeemail.com’,
‘amoxicillin’
);

if (in_comment_post_like($lower_case_comment, $bad_comment_content)) {
wp_die( __(‘Seu comentário contém palavras ou expressões banidas.’) );
}
}
}
add_action(‘init’, ‘drop_bad_comments’);

[/code]

O que achei especialmente interessante é que se um humano colocar uma dessas palavras em um comentário legítimo (“viagra” é um exemplo), seu comentário não vai se perder no vazio, porque o script vai responder com “Seu comentário contém palavras ou expressões banidas.”, bastando então clicar no botão Voltar do browser para poder editar o comentário. O script nem tenta dizer o que o gatilhou, entretanto.

Pode testar à vontade. Tente postar um comentário com uma dessas palavras e veja o que acontece.

Nesta outra página você encontrará uma versão mais elaborada, que faz um log no servidor de cada tentativa, com texto, IP, etc.

OBS.: Faça um backup de functions.php antes de fazer qualquer mudança. Uma simples vírgula que você esqueça de colocar pode fazer você perder o acesso ao blog. Aconteceu comigo e fui obrigado a transferir um backup que eu tinha do arquivo por FTP, porque o editor do wordpress não funcionava mais.

Edit: é claro que eu poderia usar um captcha, mas isso acaba enchendo o saco dos leitores legítimos.

11 comentários
  • Legal o script, vou testar e se tiver alguma mod interessante eu publico também ok?
     
    Quanto ao captcha, eu tenho uma péssima noticia. Apesar de eu usar o reCatpcha no meu blog, ainda assim passam algumas mensagens de spam.
     
    Logo concluo que: A) os spammers acharam um jeito de burlar o reCaptcha. B) Existe algum furo no wordpress C) já existe algum robot com um bom OCR que acerta alguns captchas.
     
    Um detalhe interessante, nos últimos 4 meses, a taxa de spam aumentou assustadoramente no meu blog.

  • Acabo de encontrar um problema no script. A presença da palavra “cialis” veta comentários com a palavra “especialista”. Recomendo a remoção dessa palavra da lista ou a troca por algo menos genérico como “buy cialis”.

    Acho que o script precisa de uma versão mais específica, que não crie esse tipo de problema.

  • Pode ser feita uma gambiarra temporária… acrescente um espaço antes da palavra, ‘ cialis’, assim pelo menos não pega especialista, e a bendita palavra pelo menos na maioria das vezes ela sempre virá precedida de outra, e o espaço vai encaixar.
     
    Mas eu vou dar uma olhada se dá pra modificar esse script pra pegar as palavras exatas, talvez precise usar RegEx pra isso.

  • […] Jefferson fez este post com um script (que ele encontrou) que ajuda a matar uma boa parte do SPAM no […]

  • Jefferson, consertei o script para não confundir “especialista” com “cialis”.
     
    Veja aqui como ficou: http://www.crashcomputer.caetano.eng.br/?p=3914
     
    :-P

  • Encontrei outro problema com o script. Se você usa Firefox, tem a oportunidade de clicar no botão Voltar para editar o que você escreveu, mas no IE o conteúdo do form é perdido. Um usuário legítimo pode ficar muito frustrado ao ver que tudo que ele escreveu se perdeu por causa de uma palavra.

    Talvez seja bom fazer o script exibir todo o texto do comentário abaixo do aviso de que houve uma palavra banida. Vou experimentar com isso.

    Eu sei que o IE é um lixo mas até mesmo quem o despreza como eu às vezes se vê usando-o por diversas razões. Não dá para ignorar sua onipresença.

  • Eu normalmente daria uma banana pra quem usa a m$3d@ do IE. Mas… como foi você que pediu, modifiquei o script pra cuspir o comentário junto com a mensagem de alerta.
     
    Porem, eu acho que os usuários legítimos não verão esta tela não… afinal a lista de palavras proibidas não faz parte do vocabulário dos que comentam por aqui e nem lá no meu, né? :-P

    • Pois aconteceu comigo no seu blog. No comentário onde escrevi “c1alis” ou “c.ialis”, eu havia escrito também a palavra sem obfuscar. Se não estivesse usando o Firefox teria perdido todo o comentário, que era grandinho.

      E eu pretendo aumentar a lista com expressões como “online shop” e “porn video” que eventualmente podem ser usadas por leitores legítimos do meu blog. São casos raros, mas não são impossíveis.

  • […] one came from the excellent Jefferson Ryan: Como vetar / deletar automaticamente spam no wordpress (in […]

  • Bom… eu encontrei um jeito simples e fácil de inserir um campo no form de comentários, que DEVE ser deixado em branco para comentar, se preencher, recusa comentário com a mesma atitude que uma palavra proibida.
     
    O bom disso é que inseri essa função no script de palavras proibidas, de forma que basta inserir um campo novo no formulário.
     
    No meu caso, eu coloquei um campo visível (sem o atributo hidden), com largura de um caractere, mas sem limite de caracteres para o preenchimento.
     
    Agora vem uma questão que gostaria de discutir com você e outras pessoas, como deixar esse campo no form. Pensei em dois jeitos:
     
    1) formatar o campo com  CSS para que ele fique da mesma cor de fundo da página de comentários, dessa forma ele fica “invisível” a humanos, mas não a robôs.
     
    2) deixar o campo visível, com a mesma formatação dos demais, e colocar um label algo como: Se você não é um robô, não preencha este campo.
     
    Em ambos os casos, colocar também um tabindex maior do que o ultimo elemento do form de comentário, no caso o botão “postar comentário”. Assim mesmo que um humano use TAB para avançar os campos, ele não vai cair nesse campo, a menos que dê um TAB a mais do que o necessário para chegar ao botão.
     
    Qual será a melhor forma na sua opinião? No meu blog, provisóriamente, deixei o campo com uma borda cinza, para quem quiser testar comentar preenchendo o campo que não deve ser preenchido. :-P


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

WordPress: mudando o “parent” de um comentário.

O leitor e amigo Saulo Benigno esbarrou nesse problema na semana passada.  O aninhamento de comentários chegou ao limite, o link “responder” foi omitido e, não sabendo como responder dentro da mesma “ramificação”, acabou respondendo ao post. E seu comentário ficou “fora do fluxo” (ou sei lá como se explica isso).

Para consertar isso e colocar o comentário na ramificação correta é necessário mudar seu “parent”, apontando para o comentário que ele respondia. Em outras palavras, se eu quereo que um comentário apareça como resposta ao comentário 3512, seu “parent” é armazenado como 3512. E só isso.

Sabendo disso, fica “fácil” corrigir um problema desses mexendo direto no banco de dados do wordpress como o phpMyAdmin. Mas eu prefiro uma definição menos masoquista de “fácil”, por isso procurei um plugin que pelo menos me protegesse de fazer uma besteira. Encontrei o Edit Parent Comment ID.

O plugin é bem espartano mesmo. Só é melhor do que mexer diretamente no banco de dados, porque tudo o que ele faz é acrescentar uma caixa junto a cada comentário onde você pode escrever qual é o número do “parent”. Mas não oferece nenhuma facilidade para determinar quem é esse parent. Você tem que ir até o outro comentário, passar o mouse em cima do link para ver qual é o seu ID, voltar e digitar esse número na caixa.

Ainda bem que ao mover um comentário dessa forma todos os outros ligados a ele vão junto, porque seria “um saco” fazer isso manualmente para vários comentários.


Clique aqui para comentar.

WordPress: agora eu posso mover comentários.

Graças ao plugin Move Comments eu agora posso mover comentários entre posts. Isso tem duas utilidades imediatas:

  • Mover comentários off topic para o post “Papo off topic”. Dãaa…
  • Mover conversas inteiras que começaram no tópico (ou quase) mas descambaram para um assunto praticamente novo. Nesse caso eu criarei um post novo sobre o tema e moverei os comentários para ele.

Desisti de tentar fazer meus leitores compartilharem meu conceito de “off topic”. ;)

Mas não há qualquer aviso para quem comentou. Se seu comentário sumir, procure em um novo post ou no Papo Off Topic.

 

4 comentários

Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Por que alguns comentários aqui demoram muito a aparecer.

O WordPress tem uma limitação irritante, que não descobri ainda como contornar. Como os comentários são moderados, eu recebo um e-mail pedindo minha aprovação com um link explicitamente marcado “Aprovar”. Só que ao contrário do Blogspot, onde clicar no link de aprovação é suficiente para aprovar o comentário se você estiver logado na sua conta, o WordPress abre uma página de administração perguntando se você confirma essa aprovação.

Eu geralmente esqueço disso, clico no link e continuo a ler meus e-mails, sem notar que uma nova abra abriu pedindo a danada da confirmação. Para mim, o comentário foi aprovado. E eu só percebo que não foi se encontrá-lo por acaso na fila, dias depois. Isso aconteceu agora mesmo com um comentário de Ricardo Menzer, que para mim tinha sido aprovado quatro dias atrás.

Eu acho isso beeeeem estúpido, mas não consegui desligar esse comportamento. Está sendo minimizado pelo fato de que todos os que já tiveram um comentário aprovado escapam da fila. Mas leitores “novos”, mesmo que me sigam há muitos anos em outros blogs, ou que incluam palavras e links que sejam apanhados pela moderação automática, podem ser apanhados.


Clique aqui para comentar.

Para quem precisa adicionar trechos de código aos comentários

Saulo Benigno, Luciano e até eu já nos enrolamos com isso.

Desde que este blog foi criado, está ativo o plugin Syntax Highlighter Evolved (SHE) que permite a exibição de código usando uma forma de BBcode.

ATENÇÃO: SHE está interferindo na exibição dois dois exemplos de uso a seguir.

[code]

Insira o código aqui.

[/code]

SHE tentará formatar o código da melhor maneira possível, mas você pode ajudar, adiantando qual o tipo de código você está exibindo:

[code lang="php"]

O código inserido aqui será formatado como php

[/code]

Isso está disponível para também para vocês, leitores (deve funcionar nos comentários).

Exemplo do resultado (arraste o mouse por cima para conferir que não é uma imagem):

[code lang="php"]

$bfa_page_comment_open = 0;
if ( is_page() and ('open' == $post->comment_status)) {
$bfa_page_comment_open = 1; }
else {
$bfa_page_comment_open = 0;}

if ( have_comments() ) : ?>

<a name="comments"></a><!-- named anchor for skip links --></pre>
<h5 id="comments">comments_number(__('Sem comentários ainda', 'atahualpa'),
__('1 comentário', 'atahualpa'), __('% comentários', 'atahualpa'));
?></h5>
<pre>[/code]

10 comentários
  • Saulo Benigno

    Boa, muito bom. Mas qual o bbcode? Seria legal ter um ícone no post de comentário, adivinhar qual o comando é difícil :)

    • Você olhou o post justamente no minuto em que eu estava resolvendo um problema de formatação que escondia o bbcode. olhe de novo agora.

  • Saulo Benigno

    E sim, eu odeio o “Obrigador por comentar no blog Quick Talk”, em todos os blogs que já comentei em minha vida de internet eu nunca vi essa mensagem chata, sério que é necessária?
     
    Qual a necessidade disso para quem comenta? …

  • O editor wysiwyg (TinyMCE) está confundindo o SHE, acrescentando um monte de tags de parágrafo. Se acontecer, basta deixar que eu conserto depois.

  • Hmmmm muito bom! E quais os tipos de código que ele aceita pra formatar? php, html, js?

    • Existe uma lista em wordpress.com. Mas note que o tal shortcode “sourcecode” só funciona em wordpress.com e é baseado na mesma biblioteca javascript.

      A principio, se resume a estes formatos:

      * actionscript3
      * bash
      * clojure
      * coldfusion
      * cpp
      * csharp
      * css
      * delphi
      * erlang
      * fsharp
      * diff
      * groovy
      * html
      * javascript
      * java
      * javafx
      * matlab (keywords only)
      * objc
      * perl
      * php
      * text
      * powershell
      * python
      * r
      * ruby
      * scala
      * sql
      * vb
      * xml

  • Legal! O duro vai ser decorar/lembrar de todas as tags eheheh. Ta ficando bacana, pra mim já esta uns 150% melhor que o buzz. Pra ficar mais belezinha ainda falta uma forma de editar os comentários, dai lhe tira um trabalhinho a mais das costas :)

  • Pereirão

    Ninguém testou? O_o

    Segue então meu algorítimo favorito:

    O fabuloso BogoSort (também conhecido como BozoSort ou EstouComSort)

    [java]
    public static void bogoSort( int length, int range ) {

    int []array = randomIntArray( length, range );

    while( !isSorted( array ) )
    array = randomArray( array );

    for( int i = 0; i < array.length; i++ ) {
    System.out.print( array[ i ] + " " );
    }

    }

    private static boolean isSorted( int [] array ) {
    for ( int i = 0; i < ( array.length – 1 ); ++i ) {
    if( array[i] > array[ i + 1 ] )
    return false;
    }
    return true;
    }

    private static int[] randomArray( int[] array ) {
    int size = array.length;
    int[] indices = new int[ size ];
    for ( int i = 0; i < size; i++ ) {
    indices[i] = i;
    }

    Random random = new Random();
    for( int i = 0; i < size; i++ ) {
    boolean unique = false;
    int nRandom = 0;
    while( !unique ) {
    unique = true;
    nRandom = random.nextInt( size );
    for( int j = 0; j < i; j++ ) {
    if( indices[ j ] == nRandom ) {
    unique = false;
    break;
    }
    }
    }
    indices[i] = nRandom;
    }
    int[] result = new int[ size ];
    for( int k = 0; k < size; k++ ) {
    result[ indices[ k ] ] = array[ k ];
    }
    return result;
    }

    private static int[] randomIntArray( int length, int n ) {
    int[] a = new int[ length ];
    Random generator = new Random();
    for ( int i = 0; i < a.length; i++ ) {
    a[i] = generator.nextInt( n );
    }
    return a;
    }
    [/java]


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

O “Press This” do WordPress

Um dos recursos que facilitava muito a minha vida no Buzz, embora fosse cheio de bugs e limitações, era que ao adicionar um URL ao texto o Buzz imediatamente exibia todas as imagens da respectiva página para que eu pudesse usar. E ao escolher a imagem o Buzz imediatamente colocava um link para a fonte.

Problemas:

  • Eu só podia escolher quatro imagens
  • Não podia escolher o local no post onde exibi-las. Todas eram exibidas no fim do texto;
  • Não podia escolher tamanho. Sempre eram thumbnails;
  • Se eu colocasse mais de um URL no texto, era uma complicação fazer com que o Buzz listasse as imagens do segundo URL.

O Press This (que era oficialmente traduzido como “Publique Isso” e agora como “Publica Isso” – por isso prefiro as coisas no idioma original) é um bookmarklet oferecido pela instalação do WordPress que você arrasta para a sua barra de favoritos. Basta clicar nele quando estiver vendo uma página a respeito da qual gostaria de fazer um post para abrir uma janela de Adicionar Post já com o link para a página. A princípio, nenhuma imagem; mas basta clicar no ícone de Inserir Imagem para que o WP vá “catar” todas as imagens do URL e exibi-las em uma lista.

É só arrastar então as imagens para o post que você desejar para ilustrá-lo.

Limitações:

  • Apenas um URL é varrido: o que você estava vendo quando clicou no bookmarklet. Não adianta fazer edições no post para tentar enganar o programa. Se você precisa de imagens de mais de uma página, vai precisar usar o programa separadamente em cada uma delas e depois mesclar os conteúdos. Mas cuidado: No FF 3.6.25 com os complementos que tenho instalados, isso só funciona bem se cada site que eu quiser adicionar ao meu texto estiver em uma janela diferente do FF. Se estiverem na mesma janela, ao tentar inserir o segundo o conteúdo do primeiro será apagado porque o bookmarklet reutiliza sua janela!
  • Não traz cópias das imagens para o seu servidor. Assim se o site removê-las ou trocá-las (por não gostar do seu hotlink apesar de você estar fazendo um link para ele), seu post será “quebrado”.

Eu pensei que o plugin Press This Reloaded pudesse ajudar nisso, mas só criou problemas. No meu teste rápido, a coleta de imagens parou de funcionar.


Clique aqui para comentar.

Comentários sob cada post na página principal

Eu adaptei para o Atahualpa 3.7.3 essas dicas (posts de Flynn e dextor) e consegui fazer a página principal exibir posts intercalados com comentários, como o Buzz.

Problemas:

  • O post que tinha apenas um vídeo do youtube “endoidou” (depois eu olho isso); Edit: agora está aparecendo. Deve ter sido coincidência (minha conexão está ruim hoje).
  • Não sei se isso vai dar certo sem um meio de fazer o “collapse” para ocultar comentários, como era possível no P2

Vai ficar assim por um tempo enquanto avalio. Por favor dêem suas opiniões e reportem bugs.

16 comentários
  • Mais um problema: para exibir o formulário para comentar é preciso clicar no link de comentários ou no link no título de cada post. Ou seja: nada mudou! o problema é que com a exibição dos comentários, você espera encontrar o formulário logo abaixo deles ou pelo menos um link logo abaixo deles para comentar. O formulário foi removido porque é grande e ia tumultuar a página aparecendo repetidas vezes. Como já está chegando a hora de ir dormir, depois eu penso numa solução.

  • Renato Jafet

    Ryan parabéns pelo Blog, feliz 2012

  • “Parpite de parpiteiro”.
    – Diminui a fonte (e/ou tira o negrito) do que diz ali em cima “x Comentários”.
    – Muda a cor de fundo dos comentários do Admin, esse verde “telefonica” (ou verde vo#it0 como a gente diz por aqui) é de lascar, até dói nos olhos.
    – Copia o link comentários do post para o final (depois) do loop da pagina de comentários e troca o texto dele de “x Comentários” para “Adicionar comentário”.
    – Sem querer ser o chato… muda a caixinha “Notifique-me de novos comentários via e-mail” de sempre selecionada pra não selecionada.
    Dai fica xuxu beleza!  ;)

  • Saulo Benigno

    Adiciona um link em algum lugar do post, talvez ao lado de “x comentários” , adiciona um “x Comentários. Faça um comentário” ou “Comente” ou … pois não tem indicação alguma de como comentar. no final dos comentários, em algum lugar… não tem link algum. Não tem nada dizendo como fazer comentário.
     
    Poe o mesmo link do “X comentários” da pagina principal, normalmente esse
    http://ryan.com.br/blogs/quicktalk/2012/01/comentarios-sob-cada-post-na-pagina-principal/#comments
    Ele vai direto para caixa de comentários…

    • Se fosse tão simples…

      O link para comentários é gerado por uma função do wordpress ou PHP padrão. Você sabe qual é?

      Eu preciso no mínimo saber a função que gera o link para o post e depois acrescentar o “#comments”. Mas não estou encontrando isso.

    • Descobri como se faz.

      A função que eu procurava é a “the_permalink“.

      A solução para o problema é colocar algo assim no lugar certo:

      [code lang=”php”]
      <a href="<?php the_permalink(); ?>#comments">
      Se quiser comentar e não estiver vendo o formulário, clique aqui.
      </a>
      [/code]

      Mas ainda estou tentando descobrir qual é esse lugar certo. :D Por enquanto estou fazendo gambiarras só para que vocês tenham onde clicar,

  • Saulo Benigno

    Jefferson, ótimo :)
    Agora outra coisa, não precisa mostrar quando você está lendo um post, está aparecendo também. Para não mostrar é só usar uma função com o comando do WordPress is_single , neste link tem como funciona
     
    http://codex.wordpress.org/Function_Reference/is_single
     
     

    • Eu coloquei o texto “se não estiver vendo”, justamente por isso. Eu já usei a função is_single quando suprimi o formulário de comentários na página principal. Mas quando testei no caso do link a página começou a dar erros. Ainda vou tentar outra vez mais tarde.

      • Resolvi o problema. Foi preciso colocar o seguinte em dois pontos de comments.php:

        [code lang=”php”]
        <?php
         if ( is_single() ) {}
         else
         {
         echo ‘<br/><a href="’;
         the_permalink();
         echo’#comments">Clique aqui para comentar.</a>’;
         }
        ?>
        [/code]

        Demorou porque eu estou aprendendo PHP “na marra” por tentativa e erro. Consultar a referência não é suficiente quando é preciso fazer uma construção como a que se vê acima. Ou você vê um exemplo ou vai mexendo até acertar.

  • Mais sério que isso é o problema nos links “Responder”, que não funcionam na página principal.

    • Contornei o problema (apenas ocultei o link) com uma enorme gambiarra. 

      Não esperem entender o que se segue. Só quem estiver tentando fazer exatamente o mesmo, no mesmo tema, tem chance de entender.

       

      Em bfa_custom_comments.php eu dupliquei a função “bfa_comments” como “bfa_comments1” e nesta duplicata eu removi o trecho que exibia o link “Responder”.

      Em comments.php Eu criei uma condicional com “is_single” onde o ELSE contém uma duplicata de todo o trecho que chama “bfa_comments”, mas renomeado como “bfa_comments1”.

      Original:

      [code lang=”php”]
      <?php // Do this for every comment
      if ($bfa_ata[‘separate_trackbacks’] == "Yes") {

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Reply’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Log in to Reply’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments’,
      ‘type’ => ‘comment’
      ));

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Reply’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Log in to Reply’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments’,
      ‘type’ => ‘pings’
      ));

      } else {

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Reply’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Log in to Reply’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments’,
      ‘type’ => ‘all’
      ));

      } ?>
      [/code]

      Tornou-se isto:
      [code lang=”php”]

      <?php // Do this for every comment

      if ( is_single() ) {
      if ($bfa_ata[‘separate_trackbacks’] == "Yes") {

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Comentar’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Faça o login para comentar ‘,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments’,
      ‘type’ => ‘comment’
      ));

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Comentar’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Faça o login para comentar’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments’,
      ‘type’ => ‘pings’
      ));

      } else {

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Comentar’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Faça o login para comentar’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments’,
      ‘type’ => ‘all’
      ));

      }}
      else
      {
      if ($bfa_ata[‘separate_trackbacks’] == "Yes") {

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Reply’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Log in to Reply’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments1’,
      ‘type’ => ‘comment’
      ));

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Reply’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Log in to Reply’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments1’,
      ‘type’ => ‘pings’
      ));

      } else {

      wp_list_comments(array(
      ‘avatar_size’=>$bfa_ata[‘avatar_size’],
      ‘reply_text’=>__(‘ &middot; Reply’,’atahualpa’),
      ‘login_text’=>__(‘Log in to Reply’,’atahualpa’),
      ‘callback’ => ‘bfa_comments1’,
      ‘type’ => ‘all’
      ));

      }}
      ?>
      [/code]

  • É… você esta mais ou menos no mesmo ponto em que eu estava a uns 4 ou 5 anos atras com PHP. Aprendendo tudo na base da tentativa e erro e lendo as referencias lá no PHP.NET eheh
     
    Uma boa dica é catar código dos outros e ir olhando e entendendo como funciona.
     
    Minha ultima aventura deste tipo foi aprender como fazer um plugin para o WordPress. Não foi grande coisa e ainda tem muita gambiarra nele, mas é aquele termômetro que aparece no topo do meu blog. :-P

  • Ahhh… mais cedo eu percebi que você estava editando o código e passando pelo problema de todo iniciante. Aqueles errinhos bobos de falta um ; ou passou um <.  B)
     
    Pra isso ajuda bastante algum editor TXT que suporte sintaxe highlight como no MedCX, NotePad2, Notepad++ ou outro de sua preferencia que tenha suporta a sintaxe para PHP.
     
    Eu gosto do MedCX porque é bem completo, uso pra outras coisas alem de PHP. É um editor de texto realmente voltado para o programador. :D

    • Eu estava usando o próprio editor do wordpress, que é bem primitivo, mas o problema não foi de faltar ou passar. Eu estava usando tags onde tags não eram esperadas. Mesmo usando o notepad++ eu teria cometido os mesmos erros.

  • Jefferson, tem como saber se foram feitos novos comentários em posts antigos?


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

O problema do backup automático…

… é que a conferência não é automática.

Alguns de vocês devem se lembrar daquele dia de estupidez quando apaguei o fórum por engano. O que nenhum de vocês deve saber, porque eu não lembrei de falar sobre isso, é que logo depois da recuperação eu implementei mecanismos de backup automático no fórum e todos os blogs (exceto G&G, porque o blogspot não tem essa facilidade).

No caso dos blogs baseados em WordPress (Linux, Seven, Site), eu instalei o plugin WordPress Database Backup (WDP), configurando-o para enviar o banco de dados a intervalos regulares para minha conta no gmail. Esses e-mails, vindos de vários blogs diferentes, me enchiam o saco, por isso configurei o gmail para guardar tudo automaticamente sem exibir nada na Inbox.

Pois bem… eu fui implementar o mesmo recurso neste blog e por acaso acabei descobrindo que os backups automáticos de todos os blogs haviam parado inexplicavelmente, em épocas diferentes. Sendo que o blog que constitui o site (o único realmente importante) perdera sua proteção entre 8 e 15 de novembro do ano passado.

Os e-mails não estavam na caixa de SPAM, nem havia qualquer mensagem de erro visível no WordPress. Absolutamente nenhuma pista. O backup simplesmente parou. Meu melhor palpite é que alguma instalação de plugin interferiu com o WDP ou… alguma maldita atualização do wordpress.

Mexi nas configurações do plugin para lá e prá cá esperando que desse “um reset” nele. Aparentemente funcionou, porque ontem eu recebi o primeiro e-mail do backup semanal.

É danado… preciso bolar um procedimento automático para checar se outro procedimento automático está funcionando… mas… Quis custodiet ipsos custodes (Who Watches The Watchmen)?

3 comentários
  • Saulo Benigno

    Pois é, tive esse mesmo problema com o WDP, do nada ele parou de me enviar automaticamente o Backup, e eu não faco a minima idéia o que precisa ser feito para arrumar isso. Já tive raiva com isso, não sei mesmo o que fazer…

    • Pois aconteceu de novo. Enquanto eu redigia outro post que tocava no assunto dos backups, descobri que o backup automático deste blog parou mais de um ano atrás!

      • Saulo Benigno

        Bem, minha solução foi usar outro plugin… hoje em dia utilizo a versão gratuita do “UpdraftPlus – Backup/Restore” ele faz todo o backup, avisa tudo, gostei bastante.

        E com ele crio uma conta free do Dropbox e todo o backup ele envia automaticamente para o Dropbox (pode usar outro sistema) e deixa somente os últimos X backups.

        Resolvido e sem problema, recomendo.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Testando um sistema de pontuação para posts e comentários

Qualquer sistema de “rating” que eu vá usar aqui obrigatoriamente precisa ser aplicável aos comentários, porque eu acho mais importante poder dar nota a eles que aos meus posts. Essa é uma das vantagens do GD Star Rating, que começo a testar agora, sobre outros plugins desse tipo. A outra é que tem opções prá caramba!

5 comentários
  • Esqueci de avisar que, para evitar abusos, eu configurei para que apenas “usuários” possam votar. Eu não olhei a documentação do plugin ainda, mas até onde sei isso engloba todo mundo que direta ou indiretamente (por login facebook ou google) criou uma conta no blog.

    • Estou investigando um problema que está permitindo o voto de visitantes e tive que deletar o banco de dados.

    • Aparentemente consegui resolver o problema, mas o plugin é muito confuso. Existem muito mais opções do que eu imaginava e pode ser preciso estudar a documentação (se houver) para entender o que aconteceu. Eu determinara que o default para todos os posts e comentários era “only users” mas isso só funcionou para comentários. Nos posts, era possível ver em uma das páginas de configuração que alguns estavam “Everyone” sem motivo aparente.

      O que aparentemente consertou o problema foi ir até a página de Categorias, marcar todas as categorias e determinar “only users” para elas.

      Outro problema que encontrei é que tentar deletar votos na listagem “All Users” não adianta. Os votos desaparecem da listagem, mas continuam atribuídos aos posts, o que constitui um problema ainda maior.

       

  • Saulo Benigno

    Só você pode votar? Eu ainda não consegui…

    • Vocês está fazendo logon no blog com sua conta Google ou apenas está colocando o e-mail? Eu configurei para que se  você não fizer nenhum tipo de autenticação, não poder votar.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Tentando melhorar a busca no blog

Por sugestão de Saulo Benigno, estou testando o plugin Search Unleashed.

É certamente bem melhor que a busca padrão do WordPress, mas encontrei variados problemas:

  • O highlight só aparece nos primeiros resultados;
  • Se você procurar por “busca”, não vai encontrar “buscas” (nem leva em conta o plural, nem tem um modo de buscar fragmentos);
  • Apesar do plugin explicitamente dar suporte a comentários, não está funcionando. Por exemplo, procurar por “unleashed” deveria ter como resultado a sugestão de Saulo;

 

 

 

6 comentários
  • Jefferson.
    Experimente esse aqui:
    http://wordpress.org/extend/plugins/relevanssi/
    Acho que é o que mais se aproxima do que você quer.

  • Em tempo…
     
    O tipo de busca (parcial) que você quer chama-se “fuzzy”. E o Relevanssi faz isso.
     
    Se o seu tema for meio chibungo na pagina de search e os snippets forem muito ruins, confusos ou pequenos, eu tenho um plugin no meu blog que conserta isso.
     
    Faz uns testes lá se quiser ver como o relevanssi funciona antes. B)

    • Instalei o Relevanssi, mas os problemas continuam O_o

      • O comentário de Saulo continua não aparecendo nas buscas;
      • Nada está sendo destacado;
      • Ele só faz uma busca fuzzy se não forem encontrados resultados numa busca normal: o usuário não tem controle
      • Os problemas 1 e 3 foram mancada minha. Não vi as respectivas opções de configuração :dashhead1:

         

        Mas ainda há um problema: quando um “match” é encontrado nos comentários, é o respectivo post que é exibido.

    • Se o seu tema for meio chibungo na pagina de search e os snippets forem muito ruins, confusos ou pequenos, eu tenho um plugin no meu blog que conserta isso.
       

      Qual é? O tema atual (Atahualpa) não faz snippets e acho que é por isso que os destaques não funcionam.

  • Bom… quanto aos comentário é isso mesmo, ele abre o post no snippet, e não o comentário. Como eu não dei muuuuita importância a isso, acabou ficando assim, pois se o texto apareceu na busca, eu clico no link e procuro o destaque.
    Deixa eu fazer uma busca parcial aqui e ver o resultado…
    É… o seu tema esta mostrando o post na integra na busca. O snippet, mostra apenas um trecho do post, com o destaque no meio. O meu fazia isso também, mas o meu tema era muito simples e não suportava snippet, e eu acabei modificando o loop dele pra aceitar, coisa bobinha de fazer (se o tema for meio padrãozão é claro).
    Vou te mandar um email com o  plugin que faz os snippets, mas eu *acho* que a pagina search.php precisa ter um suporte minimo antecipadamente.
    Ahhh… lembrei de outra coisa, nas configurações, deixou ele ativo pra mostrar resumos? Dá uma olhada na sessão:
    Resumos de resultado de busca personalizados
    Pode ser que ali já resolva alguma coisa. Enquanto isso, segue o resto por email.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Mais uma atualização que dá errado.

Estou pensando em colocar botões “Like” nos posts. Decidi começar pelo plugin SexyBookmarks, que eu já tinha instalado no site. Lá eu vi que estava usando a versão 3.alguma-coisa e que a mais recente era a 4.0.6.4 com um monte de aperfeiçoamentos. Testei primeiro atualizando o site.

Deu zebra!

Lentidão ao carregar páginas e erros estranhos. Ao compartilhar no Facebook, ia junto um link de anúncio Google. Foi então que eu notei que os anúncios da Google (que não dependem de plugin) sumiram do site.

Desativei o plugin mas… os anúncios Google continuaram desaparecidos.

Então eu notei que o noScript estava bloqueando “Google Syndication” no meu site. Estranho, porque não me lembro do bloqueio. E depois de desbloquear o noscript ainda fez um monte de perguntas e ressalvas. Não me lembro de nada disso.

Ou foi uma grande coincidência e minha memória está me pregando uma peça, ou o SexyBookmarks mexeu nos meus anúncios…

9 comentários
  • Minha memória está mesmo me enganando O_o

    Acabo de checar minhas chamadas AdSense e estão intocadas.

  • Se tem algo que eu não vejo graça e não uso é esse “Like” do facebook. Eu preferi instalar um “rating” próprio, aquele de básico de 5 estrelinhas.

    Porem, estranhamente o meu publico não gosta de avaliar os posts… vai entender. :S

    • A idéia é o “Like” ser um mecanismo extra. Eu não uso o Facebook (apesar de ter conta, só me interessa para manter contato com seres do sexo feminino :lol: ), mas não posso ignorar seu sucesso. Mesmo entre os nerds que me seguem (saudações a todos) existe um monte de gente usando Facebook. E por causa do meu ranking no Google não vão faltar os visitantes ocasionais.

  • Saulo Benigno

    Utilizar o like do facebook precisa nem do plugin, é bem fácil mesmo. Dá uma olhada na página oficial do Facebook, lá ensina direitinho :)

    http://developers.facebook.com/docs/reference/plugins/like/

    Ele faz tudo bem automático. Poe um endereço qualquer, daí no código que vais copiar, você coloca esse código do WP

    Fácil :)
    Sem precisar de plugin.

  • Saulo Benigno

    O código não apareceu :(

    junta ai o php com ?

  • Saulo Benigno

    E nada mesmo ahahaha :(

    é o comando the_permalink
    droga..

  • Saulo Benigno

    Sobre as buscas, li agora ali na direita, tais utilizando algum plugin ou a original do WordPress?


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

O tema P2 não é tão interessante quanto parecia.

Quando optei pelo tema P2, sua característica de não exigir que eu desse um título para as postagens foi decisiva, mas isso acabou se mostrando uma vantagem questionável. Títulos de posts são usados em toda parte na estrutura do wordpress e nos feeds por isso o P2 gera títulos automaticamente baseados nas primeiras palavras de cada post. Mesmo pensando pouco, eu consigo dar um título mais descritivo.

Os mais atentos, que usam navegação ou assinam o feed, devem ter notado que eu venho tendo o trabalho de dar títulos, mesmo que não apareçam aqui.

Vocês verão o blog mudar de tema esporadicamente, enquanto testo alternativas mais atraentes e com mais funcionalidades.

8 comentários
  • -1 pra esse tema aqui.

    8-O

    • Este é o Atahualpa. Que problema você vê nele? Este é o tema de wordpress com mais opções que eu já vi.

      • Tem uma cara meio datada. O outro era mais atual, mais limpo, com cores melhores. E aquele aviso de novas repostas era bem útil.

  • Cesar Machado

    o tema é um pouco feio…gostava mais do outro com seu aspecto mais minimalista no que se refere as cores.
    O traço vermelho e fino, para separar os post, tinha ficado muito bem.

  • Hmmm permita-me opinar, é claro (eu sei que tu aceita eheh) :-P

    – Titulo muito grande, talvez diminuindo a fonte uns 5 pontos, melhore
    – Remover o fundo azul e borda preta do titulo
    – Tocar a cor da fonte de título pro alguma coisa como amarelo ouro ou azul “calcinha” eheh.

  • No outro os comentários apareciam junto com o post. Nesse é preciso clicar em “comentários”. A experiência do outro lembrava mais o Buzz.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Plugins para imagens e anexos nos comentários

Por default o wordpress não permite que visitantes incluam imagens ou qualquer tipo de anexo nos comentários. Essa é uma medida de segurança para evitar problemas como o do meu fórum, quando um bug na manipulação de avatares permitiu que o hacker “Krisbarteo” infectasse tudo o que eu tinha hospedado em minha conta.

Porém, pela natureza dos meus blogs, é interessante dar essa facilidade a quem comenta (mas com certos cuidados) por isso estou testando dois plugins:

Comment-Images
Easy Comment Uploads

Vamos ver no que dá.

13 comentários
  • Teste de inserção de imagem, usando uma conta não-admin.
    [img]http://ryan.com.br/imagens/quicktalk/UltrasonicSensor_HC-SR04.jpg[/img]

    • Funciona! :yahoo:

      Já a inserção de anexos deu pau. Deveria aparecer um botão “Selecionar Arquivo” abaixo do texto ” cada imagem será mostrada junto de seu comentário.” É possível que os dois plugins estejam em conflito.

    • samada

      teste imagem visitante real
      [img]http://www.newmodeus.com/pics/HP_dv4/dv4_caddy_HDD_coversm.jpg[/img]

      • Jefferson

        Foto interessante. Eu não sabia que esse produto existia. E com a ajuda do Google Imagens achei rapidamente a página:

        http://www.newmodeus.com/shop/index.php?main_page=product_info&products_id=198

        • Luis

          Que estranho.Quando eu não estava logado,eu podia ver que o Jefferson tinha 72 comentários e samada 16. :?: :?:

          • Jefferson

            Eu tenho de fato 72 comentários. Mas “samada” só fez 2. Não sei de onde veio esse 16.

          • samada

            o único comentário que vejo numero é no meu ultimo e mostra 3, quando confirmar esse deve mostrar 4

        • samada

          É o que eles chamam de “caddy”. A muito tempo que não uso DVD ou CD, então vou usar o espaço dele para instalar um segundo HD e no lugar do HD principal vou colocar um SSD.

        • Ô! Existe e faz tempo. Se não me engano (posso estar enganado) quem inaugurou essa moda foram os IBM ThinkPad, pois eles tem toda a sorte de “tralha” que se possa encaixar no UltraBay. Bateria extra, CD, DVD, Compact Flash, HD.. e mais umas coisas que eu não me lembro.

    • samada

      teste anexo código fonte em C
      [file]http://ryan.com.br/blogs/quicktalk/wp-content/uploads/2012/01/FileWatcherActivities.zip[/file]


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Custom Smilies

Por sugestão de Luciano Sturaro eu desativei o plugin “Tango Smileys Extended” e instalei o “Custom Smilies“. No momento o danado não está aparecendo no formulário de comentário, mas uma hora eu descubro a razão :)

3 comentários
  • Jefferson

    Pelo menos um problema isso já resolveu: Os smileys do Tango estavam sempre sendo exibidos numa linha separada. Agora eles estão “inline”, como é de se esperar.

    • Moleza por isso pra funcionar. Como aqui nos comentários não da postar código, estou te enviando por email, ok?

    • Jefferson

      Descobri a razão. Primeiro, existem dois plugins com o mesmo nome: :evil:

      Custom Smilies
      Custom Smilies

      E eu peguei o errado :dashhead1:

      Segundo, foi preciso habilitar a opção “Use the action named comment_form in comments.php if your theme support it. So you don’t need to add cs_print_smilies() in comments.php manually. ”

      Ainda está uma bagunça, mas depois eu arrumo isso. Tenho outras prioridades agora.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Testes com plugins para comentários

Eu ativei o editor wysiwyg (TinyMCEComments) e smileys (Tango Smiley Extended) para os comentários, mas o comportamento no P2 é confuso, por isso prestem atenção ao que vou explicar:

A área de smileys pode não aparecer no IE8.

O MCEComments só funciona no modo “um post por página”, por isso se desejar fazer um comentário com formatação (links, listas, etc), em vez de clicar em Reply, clique em Permalink.

Com o MCEcomments ativo, não adianta clicar nos smileys. É preciso arrastá-los para o texto.

Com o MCEcomments inativo, arrastar os smileys não funciona. É preciso clicar.

Isso é um quebra-galho. Meu objetivo é fazer com que funcione direito, mas não posso perder muito tempo com os detalhes quando há muita coisa para fazer.

19 comentários
  • Legal esse aviso que aparece na tala avisando de updates.

    Ficou bem melhor que o Buzz aqui!

  • (teste) Está ficando muito bom
    (teste de link)
    http://ryan.com.br/blogs/quicktalk/2011/12/eu-aumentei-o-numero-de-postagens-por-pagina/
    Ainda vai ter possibilidade de inserção de imagens

    • Jefferson

      Por enquanto, só na munheca (“img src=”). O autor de MCEComments explicitamente removeu essa possibilidade do editor wysiwyg e eu não sei como acrescentá-la ainda.

  • Vou ter que logar sempre (no meu caso, usei o Facebook) ? O blog poderia lembrar.

  • Jefferson

    O MCEComments estava interferindo com o encadeamento de comentários. Precisei desativá-lo por enquanto.

  • Mais uma vez não estava logado. Agora loguei com o Google. Vou ver se da certo.

  • Como eu já passei por algumas maluquices, vai uma dica, o P2 não é como a maioria dos temas do WordPress, ou seja, normal. Tem muita coisa louca que não funciona bem com vários plugins e as soluções que funcionam com todos nem sempre funciona com o P2. Não estranhe.

    Upgrades do Wp e do próprio P2, só com criteriosos backups. Não é raro uma atualização quebrar tudo.

    Apesar disso, atualizei agora para WP 3.3, num primeiro momento está vivo.

  • Luciano

    Este plugin para smiles não tá funcionando bem…

    Se clico, insere correto. 8-)

    Mas se arrasto, sai isso:

    http://ryan.com.br/blogs/quicktalk/wp-content/plugins/tango-smileys-extended/tango24/cool.png

    Eu estou usando o Custom Smilies, é mais braçal pra configurar mas pelo menos acho mais prático. E eu acho esse pacote de smiles, meio apagadinho, opaco. Dá uma olhada nos meus lá, boa parte eu mesmo editei. Se quiser eu faço um pacotão com eles e te mando.

  • Eu reativei o MCEComments. Quero ver como ele se comporta no tema Atahualpa.

    E também preciso testar em conjunto como o Custom Smilies. Vamos ver:

     

    Clicando no smiley: :D

    Arrastando smiley: :D

     

    • Como se pode ver acima, você pode inserir smileis tanto clicando neles quanto arrastando. Existe uma diferença visual entre os dois métodos, mas ao publicar o comentário fica tudo igual.

  • Sony Santos

    Eu acho que os seus leitores mais fiéis não usam o IE (a não ser que tenham conta no BB).
    Mas você pode confirmar isso nas estatísticas.


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.

Update Notifications Manager

Usando este plugin
Update Notifications Manager

Me livrei da mensagem que dizia “Avise ao administrador do blog” :D

16 comentários
  • lucianosturaro

    Jefferson. Posso dar uma dica? Coloque uma cor diferente na barra que separa um post do outro ou use um DIV colorido, ou ainda duas barras horizontais. Fica um pouco confuso saber onde acabam os comentários de um post e inicia outro post. Em tempo estou testando o social connect no meu blog, parece que consertaram o velho bug. :)

    • Jefferson

      Jefferson. Posso dar uma dica?

      sempre!

      Coloque uma cor diferente na barra que separa um post do outro ou use um DIV colorido, ou ainda duas barras horizontais.

      Putz. Eu acho um saco ficar editando templates, porque sei pouco de wordpress e menos ainda de PHP e tenho uma dificuldade danada para achar o lugar certo :(

      Fica um pouco confuso saber onde acabam os comentários de um post e inicia outro post.

      Você pode minimizar o problema usando o “Toggle Comment Threads”

      Em tempo estou testando o social connect no meu blog, parece que consertaram o velho bug.

      Ou a hostgator deu um jeito de botar o plugin em uma whitelist…

      • Fernando Medeiros

        Realmente com o “Toggle Comment Threads” fica bem mais legível.
        Tem como torna-lo padrão?

    • Jefferson

      Com a ajuda de Luciano, que me ensinou exatamente onde mexer, mudei a cor da linha divisória entre posts para um vermelho impossível de não notar :D

      Eu acho que está bem melhor agora.

      Cor escolhida com a ajuda do Colorpicker

  • lucianosturaro

    Ahhh…. to vendo que o seu template tem o mesmo bug irritante que andei brigando no meu hoje a tarde. Nos comentário, ele esta usando o “nome de usuário” ao invés do primeiro e segundo nome de quem comentou.

    Percebi isso porque o meu nome sai todo emendado.

    Se quiser eu achei um jeito de contornar isso, se o usuário tem um ID (já se registrou ou usou uma conta de login) pega o “fist name” e “last name” pra compor o nome que aparece, se não tem (ID=0) exibe o “user name” mesmo.

    Se quiser, te passo o trecho de código que alterei.

    • Jefferson

      Me diga, por favor. Eu coloquei instruções para os usuários evitarem o problema mas pelo jeito a maioria não leu ;)

      • Luciano Sturaro

        Por mim mesmo eu resolvo, sei o caminho das pedras ehehe, o problemas são as “ervilhas” :P


Clique aqui para comentar.
OBS: Os links "Responder" não aparecem nesta página, mas aparecerão na próxima.Por favor use-os se estiver respondendo a um comentário.