Google Authenticator finalmente permite que você mova a sua conta para outro dispositivo

Eu reclamei disso quase três anos atrás. Agora, após vários anos sem uma atualização, a Google finalmente deu ao Authenticator  a capacidade de exportar e importar contas.

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
2 comentários
  • Claudio - 37 Comentários

    Não “querendo puxar a brasa para outro assado” (uma variante de uma expressão comum aqui no sul), mas:

    – uma prática que eu acho importante ao usar autenticação de dois fatores é sempre guardar (de forma segura) o QR code quando cadastra uma nova autenticação. Como eu uso o KeePass para guardar minhas senhas, e ele suporta arquivos, eu guardo um PNG do QR code lá. Daí re-instalar é fácil. U, ZIP com senha já serve, e imprimir e guardar no cofre de casa é uma solução analógica válida também.

    – o Google Authenticator sempre me incomodou por não ter a possibilidade de habilitar uma camada a mais de proteção no aplicativo, exigindo a digital ou FaceID ao abrir o app. Considerando que o que ele protege é algo bastante sensível, considero isso obrigatório. Por esse motivo migrei para o Microsoft Authenticator faz bastante tempo: cumpre a mesma função, tem uma interface mais amigável, e exibe um ícone (favicon) para cada código, ficando mais fácil de localizar quando você tem muitos serviços registrados no app. Link: https://www.microsoft.com/pt-br/account/authenticator

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jefferson - 6.133 Comentários

      – uma prática que eu acho importante ao usar autenticação de dois fatores é sempre guardar (de forma segura) o QR code quando cadastra uma nova autenticação.

      É uma boa idéia.

      Por esse motivo migrei para o Microsoft Authenticator faz bastante tempo

      Obrigado pela sugestão. Vou testar assim que estiver num dia do tipo propício para experiências. Ou seja: se algo der errado terei um dia todo ou mais para consertar.

      Não que eu ache que instalar um autenticador seja como “cirurgia de foguetes”, mas eu sou um tanto paranoico quanto ao acesso à minha conta Google.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Silenciando o smartphone Android automaticamente em certos horários

Quando eu comecei a faculdade surgiu a necessidade de colocar o telefone no modo silencioso todas as noites antes de começar a primeira aula e tirar desse modo no final da última. Eu poderia adiantar o modo “não perturbe” nativo do Android para começar às 18h (o meu já ativa às 22h), mas isso deixaria um intervalo de entre uma hora e cinco horas quando o telefone entraria ou permaneceria no silencioso desnecessariamente, porque não tenho aulas todos os dias nem em todos os horários.

A solução que encontrei para isso foi a app Silent Scheduler.  Com ela você pode programar perfis diferentes para cada dia. Estou usando a versão 2.7, que funciona bem exceto por um bug: em ocasiões aparentemente aleatórias a app deixa de restaurar o volume ao terminar um perfil.  Quando o próximo período começar vou testar outra app.

Edit: lendo alguns reviews notei que o desenvolvedor parece realmente empenhado em resolver os problemas da app. Eu vou tentar entender melhor o bug e pedir ajuda a ele para resolver, antes de tentar outra app.

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
4 comentários
  • Jefferson - 6.133 Comentários

    Hoje deve ter sido a primeira vez que executei a app desde que configurei os perfis, meses atrás. E só agora a app me pediu para dar permissão “não perturbe” a ela, dizendo que preciso disso para funcionar bem. Dei a ela essa permissão e vou esperar para ver se essa era a causa do problema.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jefferson - 6.133 Comentários

      O problema voltou logo em seguida. Minha “solução” foi evitar a sobreposição de horários. O meu “não perturbe” começava todos os dias às 22h e eu tinha configurado a app para silenciar o telefone até as 22h nos dias em que eu tinha aula até esse horário. Então eu configurei o Não Perturbe para iniciar apenas às 23h, o que eu deveria ter feito desde o início.

      Isso parece ter resolvido ou pelo menos minimizado muito o problema. Nesse meio tempo eu flagrei o telefone de novo com o volume baixo quando não deveria estar, mas isso pode ter sido causado por outra coisa. Por exemplo, eu tenho usado bastante headsets bluetooth e quando eles estão ativos os botões de volume do celular funcionam mesmo com o aparelho bloqueado.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Snow_man - 266 Comentários

    Fiquei com vontade de testar agora esse app;
    A Tim insiste em mandar SMS de madrugada, e ontem acordei com um bip + claridão do smartphone ao receber um. :rtfm:

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Tablet Acer Iconia One 7 B1-730 carrega a bateria mas não liga

Essa foi fácil de diagnosticar porque antes de “morrer de vez” foi ficando progressivamente mais difícil ligar e desligar o tablet pelo botão. Então eu sabia que o problema era ali. No “último dia de vida” era possível ligar simplesmente conectando no carregador, mas o usuário deixou a bateria descarregar completamente e aí o truque não funcionou mais. Ligar ao carregador, então, só mostrava o status da carga.

Você pode determinar isso facilmente porque ao apertar o botão você não sente mais o “clique” na ponta do dedo.

A parte mais difícil do conserto foi tentar abrir sem perguntar ao pai dos burros modernos antes. Eu jurava que era pela frente do aparelho e se eu tivesse forçado um pouquinho mais teria possivelmente quebrado o digitalizador. Na verdade o tablet abre facilmente introduzindo um estilete pelo lado e depois usando um cartão para desencaixar.

O problema do botão é um erro de fabricação. A peça plástica que apertamos (o “botão”) aparentemente se desgasta no meio e não consegue mais empurrar a chave. O botão acaba se apoiando dos dois lados da chave e aplicar mais força é inútil, porque o botão não a toca mais. Eu ia colar um pequeno pedaço de plástico com Super Bonder, mas como não achei meu tubo e o usuário (meu sobrinho de 5 anos) estava fazendo bico, colei três minúsculos pedaços de fita isolante um sobre o outro no meio da chave. Isso resolveu or problema temporariamente. Creio que a fita vai eventualmente deslizar.

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

A nebulosa segurança do Android

Ontem saiu um texto no BleepingComputer afirmando que o principal método que os criadores de malware usam para continuar usando a Play Store como porta de entrada é pelo uso de droppers, que é uma técnica velha conhecido no mundo Windows onde o programa que você baixa voluntariamente não carrega nenhum malware em si, mas o código necessário para baixar esse malware de outro lugar, que é mais difícil de detectar.

Porém isso me deixou com uma pulga na orelha. Como é possível o Android permitir que uma app baixe e execute outro código? Além de isso ser claramente uma temeridade, o Android é baseado em Linux, que usa um modelo de segurança onde é muito fácil definir que a app não possa escrever em seu próprio diretório (onde ela tem permissões de execução) e não tenha permissão de execução em nenhum diretório de dados. Então, como se explica isso?

Essa análise diz que isso é possível quando “fontes desconhecidas” está habilitado no Android. O código malicioso é instalado como uma app extra, silenciosamente. Como se isso já não fosse suficientemente ruim (como assim uma app pode instalar outra app sem um prompt para o usuário?) o mesmo artigo diz que a app maliciosa pode habilitar “fontes desconhecidas” por ela mesma se você tiver dado a ela acesso ao serviço de acessibilidade.

Pode isso Arnaldo?!

Eu sabia que o serviço de acessibilidade permitia muita coisa, mas instalação de outras apps é demais. Ou o artigo está exagerando a “facilidade” ou a segurança do Android é uma peneira.

Isso sem contar com o fato de que ainda não entendi como é que certas apps de emulação de consoles de videogame no Android conseguem baixar parte de seu código depois de instaladas.

 

 

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
5 comentários
  • Jefferson - 6.133 Comentários

    Eu me lembro de ter lido sobre um malware para Android que era capaz de executar código baixado depois da instalação em uma imagem jpg, mas não estou conseguindo achar a fonte. Este texto fala de uma técnica que permite esconder uma outra app inteira dentro de uma imagem exibida e instalá-la silenciosamente, mas não é a mesma coisa. É mais fácil detectar uma app que você não instalou (eu acho) do que detectar comportamento malicioso de uma que você instalou.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 6.133 Comentários

    Eu preciso apontar que no mundo Windows não faltam notícias sobre “vulnerabilidades” descobertas por “pesquisadores de segurança” que são apenas o Windows operando do jeito que foi projetado para operar, como dizer que uma app com permissões de administrador poder mudar uma configuração vital do Registro é uma “vulnerabilidade” (dãaaa). Como eu entendo como o Windows funciona, para mim é fácil separar o sensacionalismo das vulnerabilidades reais. Mas das entranhas do Android eu sou um ignorante e por isso estou sujeito a aceitar bullshit como verdade.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Paulo - 40 Comentários

    Eu nunca tive smartphone com Android(sou avesso a celulares), mas tenho instalado no Windows o Nox Player que é um emulador de Android. De vez em quando ele instala jogos automaticamente. No momento estou com um tal Lineage 2: revolution que nunca ouvi falar. Nem gosto de games.

    Enfim, a questão é: Não posso provar, mas estou desconfiando que além desses jogos, esse Android do emulador está permitindo download e execução de arquivos exe, maliciosos, no próprio Windows.
    Eu nunca tinha visto isso. Há uns 2 meses encontrei uns malwares na pasta raiz(C:). Passei o Combofix e resolveu.
    Depois de um tempo, os mesmos arquivos, um chamado setup.exe. O outro, 321.exe.

    Faz mais de uma década que não uso antivírus nem firewall, mas resolvi me render ao Comodo Firewall. Então na terceira vez que os malwares seriam instalados, ele me avisou. A primeira pergunta foi se eu permitiria a instalação(hein?). A pergunta seguinte foi se eu permitiria uma alteração numa chave do registro. Claro que neguei tudo.

    Antes que surjam as velhas opiniões sobre antivírus, da época do Windows 95/98, como eu disse, faz muitos anos que não uso AV residente. Sou muito cuidadoso. Esse problema é recente, desde que passei a usar emulador de Android.

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • VR5 - 397 Comentários

      Por curiosidade: por que usas emulador de Android?

      VA:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
      • Paulo - 40 Comentários

        Não gosto de aparelho celular. Nem mesmo de telefone de qualquer tipo. Acho incômodo uma pessoa ligar pra mim sem saber se estou disponível pra falar. Mas como o gosto da maioria é que manda, já que tudo hoje em dia é smartphone pra isso, smarphone pra aquilo, preciso do whatsapp e de programas(“aplicativos”) de banco. A solução mais viável pra mim é usar emulador.

        VA:R_U [1.9.13_1145]
        Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Ruminações diversas, 01/07/2018

Eu estava com um de meus tablets Android ignorando o botão power depois que a tela apagava. Eu não conseguia mais acender a tela e segurar o botão não provocava o desligamento do tablet. Parecia mesmo com um defeito no hardware. Eventualmente, após muitas tentativas, a tela acendia e havia um anúncio em tela cheia que eu não sabia de onde vinha. Uma vez eu consegui acender a tela plugando o carregador e aí apareceu uma mensagem de erro que me levou ao provável culpado: um jogo mixuruca que eu instalara para o meu sobrinho tinha instalado dois serviços e um processo para rodar sempre ao ligar o tablet, mesmo que o jogo não fosse usado. A app é praticamente um exibidor de anúncios e não um jogo. Eu não sei se as versões mais novas do Android oferecem a possibilidade de negar esse tipo de permissão a uma app, mas isso certamente faz falta na 4.x. Em retrospecto, eu deveria estar vigiando a lista de apps em execução desses tablets.


Tive uma surpresa ao achar a bateria original do meu Samsung Grand Duos, que estava guardada há meses, estufada. Até hoje eu só vira isso acontecer com baterias não-originais. Entretanto, mesmo estufada a bateria ainda está em melhor condição que a bateria não-original que comprei para ele.


Paguei este mês R$139 para consertar minha lavadora Karcher Junior na autorizada Karcher e já me arrependi. No primeiro uso a lavadora já começou a apresentar o mesmo defeito (o serviço tem garantia de três meses) e ontem eu vi uma Karcher K2 por R$249 no Walmart da Avenida Recife. E custa quase isso (mesmo incluindo o frete) se eu comprar na loja online do Extra.

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
2 comentários
  • Intruder_A6 - 194 Comentários

    Estas baterias genéricas são terríveis, uma vez eu fiz um teste com uma destas que eu tinha comprado no Mercado Livre como original pagando caro, e a infeliz pelo tempo e corrente demandada tinha perto de 1 terço da capacidade da original, o celular era um S5 da Samsung. Pena que já tinha passado alguns meses da compra e não foi mais possível reclamar com o vendedor para pedir o dinheiro de volta. Eu acabei comprando uma bateria nova na assistência autorizada da Samsung (pagando menos do que estavam cobrando no Mercado Livre), e pelo menos até agora tudo indica que é mesmo legítima!

    Não compro mais bateria nestas arapucas, pois nem pagando caro se tem garantia de que a bateria não seja vagabunda. Atualmente eu adaptei um carregador externo de bateria de celular genérico, coloquei dois plugs banana fêmea na lateral dele ligados nos terminais para poder ligar em carregador de modelismo (que faz diagnostico) e tem controle de tensão, corrente e etc., a próxima testarei logo de cara!

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jorge Mendonça - 48 Comentários

      Recentemente comprei uma bateria generica pro iphone 6 da minha mulher e está com autonomia excelente. Paguei 50 reais já com envio no mercadolivre. Acho que foi sorte.

      VA:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Tablet Android sempre perdendo as senhas do Wi-Fi ao desligar

Eu estava com esse problema com um Acer Iconia 7 B1-730, mas ao pesquisar descobrir que é algo relativamente comum. Além de que ter que redigitar as senhas de novo era preciso reconfigurar as redes (IP, gateway, etc). No meu caso a solução foi:

  • Obter acesso root no tablet (outro dia eu explicarei como fiz isso no meu);
  • Renomear o arquivo /data/misc/wifi/wpa_supplicant.conf  (eu usei o ES File Manager);

O problema provavelmente era de permissões. O sistema não estava conseguindo escrever no arquivo e ao renomeá-lo outro foi automaticamente criado com as permissões corretas.

O arquivo original tinha apenas o seguinte conteúdo:

Ao ser recriado automaticamente e eu ter conectado a uma de minhas redes o conteúdo era este (eu editei com xxxxxxx o que era pessoal):

 

Em outros tablets

Eu encontrei a minha solução neste post, que sugere outras possibilidades, todas exigindo acesso root ao aparelho. A localização do arquivo pode ser diferente dependendo do fabricante e da versão do Android. O arquivo poderia ser, por exemplo:

/data/wifi/bcm_supp.conf

Eu notei que as configurações de rede que defini (IP, gateway, DNS) estavam sendo guardadas corretamente em ipconfig.txt, mas renomeei o arquivo assim mesmo e este também foi recriado automaticamente. Seu problema também pode estar relacionado com secure storage e nesse caso você teria que mudar a linha ro.securestorage.support=true  para false  no arquivo build.prop.

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
8 comentários
  • jonni - 20 Comentários

    essa dica me salvou agr a tarde, temos varios acer desse modelo a disposição no estudio e um dos meus de teste resolveu dar isso quando fiz root nele, repeti o processo e pelo menos comigo no android 4.4.2 só acontece depois do root

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jefferson - 6.133 Comentários

      Eu acho que o meu tinha esse problema desde que foi comprado. Eu aproveitei que tinha feito o root para liberar espaço na memória interna e consertei.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
      • jonni - 20 Comentários

        Todos os tablets aqui só apareceu esse problema quando fiz root, mas me conta o esquema pra aumentar o espaço livre

        VA:R_U [1.9.13_1145]
        Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
        • Jefferson - 6.133 Comentários

          Eu ainda estou “brincando” com a idéia, por isso considere o que segue como apenas teórico.

          A idéia é apagar as apps inúteis que vem pré-instaladas usando o System App Remover ou similar. E ao fazer isso você tem o bônus de realmente impedir que qualquer uma delas fique executando automaticamente e roubando sua RAM e CPU.

          Mas é recomendável que você tenha um backup da ROM original e de um system recovery funcional como o Clockwork Mod.

          Em teoria (não testei) você pode até apagar apps que você usa, como o Chrome e o Google Maps, porque a versão pré-instalada é desativada de qualquer forma na primeira atualização e fica só ocupando espaço.

          Porém tem uma pegadinha: Como as apps pré-instaladas são colocadas na partição /system e as apps que você baixa da loja são instaladas em /data, apagar apps pré-instaladas não libera automaticamente espaço em /data. Você precisa ou reparticionar a memória transferindo o espaço ou mover algumas de suas apps para o espaço liberado em /system usando também o System App Remover ou similar. Porém como essa partição é somente leitura nem toda app vai funcionar direito ali.

          VN:R_U [1.9.13_1145]
          Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
          • jonni - 20 Comentários

            na teoria reparticionar a partição data, diminuindo a system, nao tornaria parte da data como somente leitura já que estão localizadas na mesma memoria eMMC, e em caso de problemas é so flashear novamente pelo recovery a rom original (disponivel no site da acer ate mesmo com o codigo fonte)

            VA:R_U [1.9.13_1145]
            Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
            • Jefferson - 6.133 Comentários

              na teoria reparticionar a partição data, diminuindo a system, nao tornaria parte da data como somente leitura já que estão localizadas na mesma memoria eMMC,

              Eu estou supondo que isso seja uma pergunta e você esqueceu de colocar o “?”, porque não afirmei nada em contrário.

              Toda a memória do celular é essencialmente RW (você pode escrever nela). O que define que uma determinada partição seja RO (apenas leitura) é o respectivo comando “mount” durante o boot.

              Tendo acesso root você pode fazer com que a partição /system inteira seja montada RW, mas isso só deve ser feito por quem está ciente dos problemas de segurança e estabilidade que isso vai criar.

              Então, ao reparticionar, toda memória presenteada para a partição /data automaticamente passará a ser RW.

              e em caso de problemas é so flashear novamente pelo recovery a rom original (disponivel no site da acer ate mesmo com o codigo fonte)

              Eu ia pedir o link a você porque minhas tentativas de achar isso via Google falharam e a busca interna do site da Acer não acha a própria página do produto, mas quando eu parei de procurar por B1-730 firmware e procurei por B1-730 downloads finalmente achei a página. Obrigado por me chamar a atenção para isso.

              VN:R_U [1.9.13_1145]
              Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
              • jonni - 20 Comentários

                no momento estou com um dos meus acer como cobaia, então estou ciente que pode vir a dar m* e o aparelho parar de funcionar, mas, se alguém não tentar ninguém vai saber se funciona, e é muito tentador ter o codigo fonte completo do sistema original do tablet, estou tentando um port do lollipop, mas não esta sendo muito fácil por enquanto.

                VA:R_U [1.9.13_1145]
                Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 6.133 Comentários

    O problema tornou a acontecer mas agora parece diferente. Para começar, eu não consegui acesso ao arquivo usando o ES File Explorer. A pasta \Data aparecia vazia e o programa não me pediu acesso root (pode ser que eu tenha esquecido de algo). Essa parte do problema foi resolvida usando Total Commander para Android, que no fim das contas parece ser uma solução superior.

    Mas aí eu deletei o arquivo wpa_supplicant.conf, um novo foi criado automaticamente com o conteúdo básico:

    country=BR
    ctrl_interface=wlan0

    Mas entrar nas redes wi-fi não salva mais nada lá. Ainda não sei o que está havendo.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Apps Android para entreter um menino entre 4 e 5 anos

O meu sobrinho até bem pouco tempo atrás ficava satisfeito com passar o dia assistindo ao canal Nick Jr.  Eu não sei se é porque ele está crescendo e ainda não descobriu (ele não sabe ainda operar o controle remoto) que agora outros canais são mais apropriados para ele, mas depois que ele descobriu a app Youtube Kids e começou a poder escolher o que assistir com a ponta dos dedos ele está cada dia mais parecido com o personagem Muttley da Esquadrilha Abutre, nos pedindo: “tablet, tablet, tablet!“.

Ele está alternando dois tablets, pois quando a bateria de um acaba ele pede o outro:

  1. Pipo M9
    • Rockchip RK3066 1.61GHz Quad Core
    • GPU Mali-400
    • 2GB RAM
    • 10″ 800 x 1280 (150dpi)
    • Android 4.1.1
  2. Acer Iconia One 7 B1-730
    • Intel Atom Z2560 1.6GHz Dual Core (4 CPUs)
    • GPU PowerVR SGX 544MP2
    • 1GB RAM
    • 7″ 600 x 1024 (166dpi)
    • Android 4.2.2

Estas são as apps que até agora achei mais úteis em entretê-lo:

  • Youtube Kids:  Como citado no início, ele usa para assistir inclusive a conteúdo que está inteiramente em inglês, mas é fã mesmo de animações mudas como Oddbods e Pencilmation. Curiosamente a Google não disponibiliza nada parecido para usar no PC, nem mesmo no Chrome. E a app não instala em meus tablets que tem uma versão do Android anterior à 4.1.
  • Go Kart Go! Ultra!: Esse eu consigo saber de longe que ele está jogando por causa da música. E ele joga bastante;
  • Subway Surfers
  • Rail Rush
  • Jetpack Joyride
  • Kart Stars
  • Dam The Man – O jogo entretém até adultos. Aparentemente, quando você diz que o jogador tem cinco anos, os diálogos são substituídos por imagens e aparecem dicas visuais de onde clicar;
  • Hill Climb Racing 2 – Requer que a criança decida quando acelerar e frear em um terreno acidentado. Serve para entreter até adultos.
  • Miraculous Ladybug & Cat Noir – Similar a Subway Surfers

Outras que pelo menos conseguem entretê-lo por 10 minutos de cada vez:

  • Color Hockey
  • Jungle Monkey Run 2
  • Gogo Thomas! – A primeira fase é muito fácil (um adulto não deve demorar nem três minutos para vencer as cinco corridas), mas a segunda já requer pagamento.
  • Lol Kart
  • Fruit Ninja – Funciona bem melhor no Acer;
  • Red Ball 4 – É um jogo simples mas bonito, que desafia o raciocínio da criança. O problema da versão gratuita é que periodicamente após o jogador perder tem que esperar n minutos (o intervalo é crescente) para poder jogar de novo. Meu sobrinho ainda não tem noção do que significa “você tem que esperar 18 minutos”.

Esta lista vai crescer. Eu instalei muitas outras e estou monitorando o interesse dele.

Observações

Eu recomendo criar uma conta Google só para a criança, porque isso traz as seguintes vantagens

  • Evita que a lista de apps infantis que você está instalando para ela polua a lista do proprietário do dispositivo e vice-versa.
  • Quando você empresta para a criança dispositivos que pertencem a pessoas diferentes (e por isso tem contas diferentes) você instala uma app em um e depois tem que procurar na loja de novo no outro. Achar uma app simplesmente usando a busca pode ser mais difícil do que parece por causa do grande número de apps que tem nomes parecidos. Por exemplo, tente procurar por “youtube kids” em um tablet que não tem suporte e a resposta virá com uma dezena de apps com nomes parecidos mas nenhuma é o que você está procurando. Adicionando a conta da criança em todos você simplesmente olha na biblioteca de apps da conta, na lista “não instalado neste dispositivo” e já vai direto na app certa. Se a app não tiver suporte, não aparece o botão “instalar” ao lado do nome.

Mas não preencha o cadastro com a idade verdadeira ou a criação da conta será abortada e, pior, você não conseguirá escolher outra data. Eu caí na besteira de fazer isso e mesmo refazendo todos os passos dando uma idade de 18 anos (para a América do Sul a idade mínima é 13) o sistema continua negando a criação da conta. O único jeito de passar é escolher outro endereço de email e colocar uma idade válida na primeira tentativa.

É curioso que o garoto não saiba operar o conjunto de controles remotos mas consiga operar o tablet, mesmo quando tudo está em inglês (eu configurei para português, porque não é meu filho. Se fosse estaria tudo em inglês). Talvez seja porque ele sempre pode ficar experimentando e voltar para o início facilmente tocando na tecla “home” ou no máximo reiniciando o tablet. Com a TV e o receptor de satélite é muito fácil se perder e precisar da ajuda de um adulto a cada n minutos.

No início eu quis evitar as apps com “compras no app” em favor das apps apenas com anúncios, mas depois fiquei duvidando da validade da minha estratégia. Eu não gosto das apps com “compras no app” mesmo não havendo a possibilidade dele gastar dinheiro real já que as contas não estão configuradas para isso porque há uma tendência à mesquinharia e já vi apps que você não consegue jogar meia hora sem esbarrar num obstáculo surpresa que você precisa pagar para remover, como Angry Gran Racing. O que significa que eu só jogaria 30 minutos pois mesmo gostando do jogo eu não incentivaria essa mesquinharia pagando por isso. Mas por outro lado as apps com anúncios podem ser realmente frustrantes para crianças. Se o anúncio aparecesse o tempo todo mas somente em um canto da tela seria bom, mas muitos anúncios aparecem no início no meio e no fim do jogo, cobrindo toda a tela.

Talvez eu esteja subestimando a inteligência de uma criança de 5 anos porque depois de dizer ao menino “toque no X onde ele aparecer” (para fechar o anúncio) ele não tem me incomodado com problemas desse tipo. Ele também aprendeu a instalar apps me vendo instalar para ele, mas depois que eu disse que não era para fazer isso porque poderia “quebrar o tablet” e eu não consertaria, ele parou. Eu ainda estou avaliando a possibilidade de configurar um tablet só com uma conta descartável para ele e deixá-lo instalar o que quiser (desde que o tablet não tenha acesso root fácil).

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
2 comentários
  • Matuto - 106 Comentários

    Gostei da dica do Youtube Kids, eu não conhecia. Como tenho dois afilhados pequenos, uma hora isso vai ser bem útil pro meu tablet.

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 6.133 Comentários

    Eu estava levando uma surra tentando fazer funcionar as apps App2SD ou Link2SD, sem sucesso (não consegui particionar o cartão corretamente), para liberar espaço para instalar mais jogos na partição principal. Aí esbarrei em um comentário que me lembrou que o Android tem há muito tempo uma opção nativa de mover apps para o cartão SD.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Ruminações diversas, 23/04/2018

  • Versões mais recentes do Java 8 não instalam mais no Windows XP, mas não dão sequer uma mensagem indicando isso. Você clica no instalador e fica esperando à toa. A versão 8u101 apesar de dar uma mensagem dizendo que não foi feita para o XP instala e funciona;
  • Achei interessante a app RTSP Camera Server. Com ela você pode transformar um celular android em uma câmera IP improvisada. Tem até suporte a microfone e continua transmitindo mesmo com a tela apagada. Infelizmente não funciona em qualquer hardware (dá “workable camera not found” no Galaxy J5 deste outro post) e está sujeito às limitações do Android que não oferece um meio fácil de iniciar uma app automaticamente. As apps que se oferecem para fazer isso nem sempre funcionam.
VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
19 comentários
  • Alisson Teles Cavalcanti - 72 Comentários

    Aqui eu utilizei em janeiro a app Alfred. Me serviu bem, mas tem uma taxa de drenagem da bateria alta no meu S7 Edge pois o detector de movimento, apesar de configurado para mínima detecção, ficava disparando o tempo todo. Eu resolvi matando o processo no meu aparelho, mas perdendo também a função de motion detector.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jefferson - 6.133 Comentários

      Esse tipo de app só tem utilidade para mim em aplicações onde o aparelho vai ficar permanentemente na tomada. Claro, quanto menor o consumo de bateria, mais tempo o aparelho vai tolerar uma falta de energia e assim se reduzem as vezes que eu vou precisar ir até ele para reiniciar a app. Se eu pudesse iniciar a app automaticamente o aparelho nem precisaria de bateria.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
      • Alisson Teles Cavalcanti - 72 Comentários

        Aqui eu usei para monitorar remotamente minha casa enquanto estava na praia, um período em torno de 20 dias. Ele ficou ligado no carregador, mas resistiu bem a uma falta grande de energia. Não sei já testou o Alfred, mas ele inicia automaticamente a cada boot (testado no Galaxy ACE 4 com Android 5.1). O problema é que, até onde sei, em caso de desligamento por falta de alimentação o Android não liga automaticamente caso a fonte de alimentação é religada.

        VN:R_U [1.9.13_1145]
        Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
        • Jefferson - 6.133 Comentários

          Não sei já testou o Alfred, mas ele inicia automaticamente a cada boot (testado no Galaxy ACE 4 com Android 5.1).

          Eu tentei testar Alfred agora mas não gostei do fato dele querer que eu faça login com minha conta gmail. Vou testar em um telefone que tenha uma conta descartável.

          Mas até onde deu para ver o Alfred espera que você vá usar outro aparelho com a app como “viewer”. Achei interessante e útil, mas não parece ter a mesma funcionalidade que o RTSP Camera Server, que permite que você visualize o fluxo no Windows pelo VLC, grave em um NVR, etc.

          O problema é que, até onde sei, em caso de desligamento por falta de alimentação o Android não liga automaticamente caso a fonte de alimentação é religada.

          Você tem razão. :dashhead1: De qualquer jeito precisa de bateria.

          VN:R_U [1.9.13_1145]
          Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
          • Richard - 20 Comentários

            O problema é que, até onde sei, em caso de desligamento por falta de alimentação o Android não liga automaticamente caso a fonte de alimentação é religada.

            Modificar o Android para ligar automaticamente é possível, porém não é fácil, porque o script que detecta que o dispositivo está carregando e exibe a animação da bateria fica no initramfs, que faz parte do kernel. Esse trabalho exige root, bootloader desbloqueado, e uma ferramenta para editar o initramfs (que geralmente é específica para o fabricante do SoC) substituindo o comando que exibe a animação por um comando de reboot. Já modifiquei 2 tablets que uso como interface touchscreen para um projeto meu.

            VA:R_U [1.9.13_1145]
            Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
            • Jefferson - 6.133 Comentários

              Obrigado pelas informações. Minha abordagem para esse problema quando isso não é viável e sem ter que desmontar o aparelho é mais grosseira: usar um motorzinho para pressionar o botão Power. O resto do problema é detectar corretamente que o aparelho está desligado. Detectar uma falta e posterior retorno de energia é fácil, mas se o aparelho tiver uma bateria o evento de desligamento não coincide com o de falta de energia.

              Minha primeira idéia é fazer um watchdog por bluetooth. Se voltar a energia e não estiver recebendo o sinal, pressiona o botão e espera.

              Se não faltou energia e parou de transmitir, travou. Pressionar para forçar um desligamento e depois executar o procedimento para ligar.

              Claro, isso é uma complicação. Motor, ponte H (se um pequeno servo não der conta), microcontrolador, módulo bluetooth…

              VN:R_U [1.9.13_1145]
              Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
            • Alisson Teles Cavalcanti - 72 Comentários

              Muito interessante! Mas inacessível pra mim, infelizmente… Rsrs. Tnx pela informação!

              VN:R_U [1.9.13_1145]
              Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
        • Jefferson - 6.133 Comentários

          Eu testei com uma conta descartável e tenho que dizer que minha afirmação de que “o Android não oferece um meio fácil de iniciar uma app automaticamente” foi tola. É claro que o programador da app pode fazer com que ela inicie automaticamente. E quanto às apps que não foram programadas para isso eu testei novamente uma app que se propõe a iniciar automaticamente outras apps, a AutoStart – No root, que nunca havia funcionado comigo, e agora funcionou!

          Em resumo, eu estava 100% errado. :dashhead1:

          Voltando a Alfred, a app requer conexão com a Internet para operar e sem isso não opera nem localmente. Não há um modo fácil de interpretar o fluxo em um NVR. Mas para a sua aplicação ela parece perfeita. Muito bem feita, fácil de instalar, fácil de usar e como operou por 20 dias é estável. Obrigado pela sugestão.

          VN:R_U [1.9.13_1145]
          Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Richard - 20 Comentários

    Eu já cheguei a usar o “IP Webcam” (pacote: com.pas.webcam), que tem autostart (se o bloqueio de tela for desativado), servidor web, gravação, ONVIF, entre outras funções que fazem valer a pena desembolsar os R$ 9 para remover a marca d’água das gravações. Porém, até onde sei, a única forma de streaming suportada é MJPEG via HTTP – talvez a função ONVIF libere um servidor RTSP?

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jefferson - 6.133 Comentários

      Obrigado pela dica. A descrição do IP Webcam diz que é compatível com VLC, então ele provavelmente disponibiliza um stream RTSP.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
      • Richard - 20 Comentários

        Agora tive tempo para testar isso.

        O aplicativo diz (no menu “More…” quando a câmera estiver ativada) que seu servidor RTSP disponibiliza vídeo H.264 com áudio μ-law no endereço /h264_ulaw.sdp e com áudio PCM no endereço /h264_pcm.sdp, porém esses URLs retornam erro 404 pelo menos no meu hardware (Xiaomi Mi A1). Sabendo disso, instalei o ONVIF Device Manager no meu PC, e ele encontrou a câmera, porém com apenas um stream de vídeo MJPEG e áudio μ-law, no endereço /jpeg_ulaw.sdp, bem que esse endereço poderia ser colocado na documentação.

        Segue o que o ffprobe tem a dizer sobre esse stream:

        Input #0, rtsp, from 'rtsp://192.168.0.164:8080/jpeg_ulaw.sdp':
          Metadata:
            title           : IP Webcam
          Duration: N/A, start: 0.128567, bitrate: N/A
            Stream #0:0: Video: mjpeg, yuvj420p(pc, bt470bg/unknown/unknown), 1920x1080 [SAR 1:1 DAR 16:9], 90k tbr, 90k tbn, 90k tbc
            Stream #0:1: Audio: pcm_mulaw, 8000 Hz, 1 channels, s16, 64 kb/s

        VA:R_U [1.9.13_1145]
        Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
        • Jefferson - 6.133 Comentários

          404 é um código de erro HTTP. Como o stream é RTSP você deve ter usado um navegador que não tem suporte a rtsp://

          VN:R_U [1.9.13_1145]
          Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
          • Richard - 20 Comentários

            Esse erro aparece ao abrir os endereços RTSP no ffprobe ou no VLC. Analisei o tráfego com o Wireshark, e realmente o servidor do aplicativo retorna “RTSP/1.0 404 Not Found” quando o reprodutor tenta obter as informações do stream pelo método DESCRIBE. Isso acontece tanto para esses endereços /h264_* quanto para qualquer endereço inválido que eu digitar. De qualquer forma é um erro no aplicativo.

            Não me importo muito com isso, eu pessoalmente pretendo usar as funções de gravação e upload automático (além da modificação no kernel que discuti no meu outro comentário) para fazer uma dashcam caseira usando um Moto G (o primeiro) que tenho guardado.

            VA:R_U [1.9.13_1145]
            Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
        • Jefferson - 6.133 Comentários

          Eu finalmente fiz o teste de IP Webcam

          RTSP

          Inicialmente acessar os URLs rtsp sempre provocavam o crash da app. Reinicar o celular não mudava nada. Só começou a funcionar depois que eu fui em Video Preferences -> Video Recording -> Download OpenH264. O VLC passou a receber os dois fluxos mas o video falha muito, perde muitos frames e congela em menos de um minuto, apesar da app não reportar nada de errado. Baixar a resolução do vídeo não fez diferença. Eu conferi com o RTSP Camera Server e este mesmo transmitindo a 1920×1080 funciona muito bem.

          ONVIF

          Meu NVR compatível com ONVIF não consegue detectar automaticamente a app em execução.

          O Onvif Device Manager não consegue se conectar com a app mesmo adicionando o endereço manualmente.

          “Enable ONVIF support” está marcado na app.

          VN:R_U [1.9.13_1145]
          Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jorge Mendonça - 48 Comentários

    [Totalmente off] Desculpe mas não localizei o tópico sobre isso mas achei que você ainda pode estar interessado. Uma bombinha para garrafão de água: https://br.gearbest.com/air-purifier/pp_1589429.html?%3F&lkid=12662477

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Snow_man - 266 Comentários

    ótima informação, ainda uso muito XP nos clientes, principalmente contabilidade, muito obrigado.

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jefferson - 6.133 Comentários

      Rapaz, esse pessoal de contabilidade ainda usaria Windows 95 se não fosse tão problemático achar drivers para ele hoje em dia. Conheço quem ainda use disquetes.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Jefferson - 6.133 Comentários

    Apesar da app RTSP Camera Server não dizer que inicia automaticamente, ela faz isso. Se o o telefone tiver sido desligado com a app transmitindo ao reiniciar o aparelho a app volta automaticamente transmitindo.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Samsung Galaxy J5 ao desligar a tela liga de novo sozinho 1s depois

Ou seja, a tela praticamente nunca desliga exceto por breves momentos de um segundo e a bateria é drenada rapidamente.

O problema não parece ser de software porque mandar apagar tudo e carregar o padrão de fábrica não resolve. Pesquisando na internet encontrei muita gente com o mesmo problema e este vídeo que apesar de dizer que tem a solução mostra apenas um modo de contornar (muita gente não sabe a diferença) o problema:

A “solução” apresentada consiste em instalar a app Always On AMOLED que substitui a lock screen do telefone por outra, escura, que pode ou não apresentar um relógio no meio. Assim quando o telefone religar sozinho pelo menos vai ser com uma tela escura o que supostamente fará o consumo de energia cair.

Mas o melhor jeito de contornar o problema para mim foi apresentado nos comentários do vídeo. Não requer instalar software.

  • Aperte o botão Power para desligar a tela;
  • Antes que ela acenda novamente aperte e segure o botão home;
  • A tela vai acender. Ainda segurando o botão Home, aperte o botão Power;
  • A tela vai apagar. Aguarde um ou dois segundos antes de soltar o botão Home.

A tela vai permanecer desligada. Após algumas tentativas você aprende a fazer isso rapidamente.

 

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
8 comentários
  • Sidmar - 21 Comentários

    Jefferson, eu tenho um J5 Metal que funcionou muito bem por 9 meses depois da compra e aí começou com essa frescura.

    Eu deixo ele configurado para apagar a tela depois de 1 minuto de inatividade e para bloquear o aparelho 15 segundos depois de apagar a tela. Mas, quando o defeito aparecia, assim que ela apagava depois de 1 minuto de inatividade ela acendia em seguida, ficava mais 1 minuto ocioso acesa, apagava novamente e acendia de novo num loop as vezes curto de alguns ciclos e outras vezes bem demorado de mais de 20 ciclos.

    E este defeito não tinha nenhum padrão que eu pudesse perceber. Acontecia do nada e parava do nada também. E também acontecia quando o aparelho já estava bloqueado e quieto em cima da mesa por muito tempo por exemplo.

    Como se não bastasse já ser muito ruim torrar a bateria rapidamente isto me aborrecia demais pois acontecia com o aparelho no bolso da calça e com o movimento de caminhar ele entendia como toque na tela e abria os aplicativos e chagava até a fazer chamadas.

    Quando o defeito aparecia ao bloquear ele pela tecla de power, ele acendia novamente e eu apagava novamente e ficava “lutando” com ele por um tempo até que ele apagava e parava.
    Já estou nesta luta a mais de 6 meses.

    Este defeito parece ter relação com o sensor de presença pois quando o defeito aparecia, eu percebi que falar ao telefone era difícil pois normalmente ao colocar o aparelho na orelha depois de atender a uma ligação ele apaga a tela mas quando o defeito acontecia ele ficava num apaga-acende que afetava o som do alto-falante tornando impossível falar com a outra pessoa na ligação.

    Da última vez eu saí do sério, desliguei o aparelho, desmontei ele, retirei a bateria, o cartão de memória e o chip da operadora e deixei ele assim desmontado por quase 24 horas.
    Depois de remontado ele não fez mais isto. Pode ser coincidência mas deu certo por enquanto.

    No último final de semana eu tomei coragem e fiz a atualização para o Android 7.1.1 e até agora está funcionando sem problema.

    Abraços.

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Jefferson - 6.133 Comentários

      Obrigado pelas dicas. O telefone não é meu mas estou pensando em comprá-lo com esse defeito mesmo porque eu tenho aplicações para um aparelho dessa classe mesmo que tenha que ficar com ele preso na tomada.

      Alguma coisa foi danificada na desmontagem? Estou pensando em tentar isso mas o estado externo do telefone é de novo e não quero estragar nada.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    • Ricardo Menzer - 125 Comentários

      Já que você citou o sensor de proximidade, uma vez troquei a tela de Xiaomi (o sensor de proximidade vinha no conjunto), e precisei fazer um processo de calibração para o sensor funcionar corretamente. No caso do Xiaomi era através de um menu de serviço acessado através do aplicativo telefone, e não sei se o procedimento é universal no Android. Não me lembro mais como acessar o menu, mas uma busca no google deve ser rápida. Talvez tenha algum procedimento semelhante para a Samsung. Por ser uma solução em software, talvez valha a pena pesquisar antes de abrir o aparelho.

      VN:R_U [1.9.13_1145]
      Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
      • Jefferson - 6.133 Comentários

        No caso do Xiaomi era através de um menu de serviço acessado através do aplicativo telefone, e não sei se o procedimento é universal no Android.

        Não sei se é universal, mas o uso de códigos parecidos com USSD para acessar menus de serviço é comum em telefones Android.

        VN:R_U [1.9.13_1145]
        Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Luciano - 440 Comentários

    Não é o caso do J5 (eu tenho um J5 Metal 2016 e não tem esse problema), mas tive, alias ainda tenho um S3 que deu um defeito parecido, no caso dele era a chave power que estava com problemas, ela apresentava alguma resistência mesmo sem pressionar que deixava o S3 com um comportamento similar, bastou trocar a chave e nunca mais encheu o saco.

    VN:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • fer - 1 Comentário

    O Meu resolveu tirando e recolocando a bateria.

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Nigel - 1 Comentário

    Já notei que meu J5 acende quando esquenta, no bolso e dia de som, coloco 1 minuto na geladeira e fica normal, basta esquentar que ele acende, não consegui consertá-lo sozinho..

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
  • Antônio Carlos Silva - 1 Comentário

    Consegui! Obrigado! Melhor explicação que obtive para resolver o problema.

    VA:R_U [1.9.13_1145]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »

Android: Alerta para quem tem DVR que usa a app Viewcam

As versões atuais da app Viewcam do desenvolvedor Camdev, que por alguma razão agora se chama “Viewcan” (“n” no lugar de “m”), incluindo a última versão de 5 de janeiro de 2018, não funcionam. Você precisa reverter para a versão 1.4.9 de 2014 para que a app pare de fechar abruptamente segundos após iniciar.

Isso afeta especificamente DVRs fora de linha da TRX série 72.  A empresa em seu site age como se essa linha nunca tivesse existido. Aliás, a TRX parece abandonar todos os produtos que deixou de vender.

Outro dia eu colocarei online minha cópia que obtive em um aparelho android que não havia sido atualizado e aproveitarei para colocar online o conteúdo do CD original, com os manuais e o instalador do cliente para Windows/IE.

VN:R_U [1.9.13_1145]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Clique para comentar
(Prefira clicar em "Responder" se estiver comentando um comentário)

Deixe um comentário

Siga as Regras de Participação, ou seu comentário será ignorado.

Não faça comentários sem relação com os posts. Comente neste post para assuntos genéricos

Você pode usar estas tags HTML

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">

  

  

  

:) :( ;) O_o B) :lol: :huh: :S :D :-P 8-O :yahoo: :rtfm: :dashhead1: :clapping: more »